Tamanho do texto

Empate em 1 a 1 no jogo de ida fez equipe gaúcha se preparar para decidir a vaga nas penalidades se for necessário

Todo o cuidado é pouco para o Internacional na Copa do Brasil. Mesmo enfrentando um adversário que disputa a Série C e ter a vantagem de empatar sem gols para seguir adiante na competição, o time gaúcho deu nesta terça uma demonstração de respeito ao Cuiabá: o técnico Abel Braga fez questão de treinar cobranças de pênaltis no último treino antes do confronto desta quarta, no Beira-Rio.

Confira a tabela completa da Copa do Brasil

A definição por pênaltis só ocorrerá caso o 1 a 1 do jogo de ida se repita em Porto Alegre. Aránguiz, Alan Patrick, D’Alessandro e Rafael Moura deverão ser quatro dos batedores, caso haja necessidade. Abelão não fez treino coletivo, mas sim um descontraído rachão antes do treino de pênaltis, no CT do Parque Gigante.

Mesmo que a atividade não tenha revelado qualquer indicação de time, a escalação do Inter dificilmente terá surpresas. Sem Paulão, lesionado, Ernando assumirá a zaga. O time deverá ter Dida; Gilberto, Ernando, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz, Alex, D’Alessandro e Alan Patrick; Rafael Moura. Passando pelo Cuiabá, o Inter enfrentará Ceará ou Chapecoense na terceira fase da Copa do Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.