Tamanho do texto

Time mineiro busca voltar à competição continental em 2015, mas ainda não venceu um jogo sequer neste Brasileirão

Levir Culpi, técnico do Atlético-MG
DENIS DIAS/Gazeta Press
Levir Culpi, técnico do Atlético-MG

Eliminado da Libertadores, o Atlético-MG tenta juntar forças para a disputa do Campeonato Brasileiro . Sem muito tempo para lamentar, já volta a campo neste domingo, às 18h30 (de Brasília), no Independência, para enfrentar o Goiás  e buscar a primeira vitória na competição.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Brasileirão

Se quiser voltar para a Libertadores em 2015, o Atlético-MG precisa focar no título Brasileiro ou ao menos no G4. O técnico Levir Culpi avalia que só com o apoio da torcida o clube vai conseguir se recuperar da eliminação precoce. "Domingo, todo mundo aqui torcendo, essa é a melhor maneira de recuperar o time. Se a gente não correr, a torcida vai cobrar, e se a gente correr, a torcida vai aplaudir. É dessa forma que vamos melhorar a nossa capacidade de produzir dentro de campo", disse.

O treinador alvinegro já declarou que para jogar no Atlético-MG daqui para frente, os atletas terão que apresentar números favoráveis, o que pode pesar na decisão de mudar a equipe neste domingo. Um dos candidatos a deixar o time é Diego Tardelli, que tem reclamado de ser substituído nas últimas partidas.

Goiás vem de vitória sobre o Criciúma
Carlos Costa/Futurapress
Goiás vem de vitória sobre o Criciúma

No Goiás, o técnico Ricardo Drubscky ainda não poderá contar com Danilo e Esquerdinha, reforços esmeraldinos para a sequência da temporada. Os dois atletas já treinam normalmente, mas ainda precisam aprimorar a forma física antes de estrear pelo time goiano. O armador Carlos Alberto é outro que não enfrenta o Galo, já que rescindiu o contrato com a equipe.

Quem tem lugar garantido na equipe contra o Atlético-MG é o zagueiro Pedrão, uma das revelações do Goiás, que ganhou espaço na equipe com a saída dos experientes Rodrigo e Ernando. Pedrão comemora a ótima fase e já pensa, inclusive, em ser revelação do Campeonato Brasileiro, mas prioriza uma boa campanha da equipe.

"Lógico que penso em ser uma das revelações, mas meu foco principal é ajudar o time. Até porque, para me destacar, eu preciso jogar bem pelo Goiás e fazer uma boa campanha. É preciso pensar primeiro no coletivo, porque, consequentemente, o resto caminha bem", declarou.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG X GOIÁS

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 4 de maio de 2014, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Rodrigo Henrique Corrêa (RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ)

ATLÉTICO-MG: Victor; Alex Silva, Leonardo Silva, Otamendi e Emerson Conceição; Pierre, Leandro Donizete, Marion e Ronaldinho; Fernandinho e Jô
Técnico: Levir Culpi

GOIÁS: Renan; Vítor, Jackson, Pedrão e Lima; Amaral, David, Thiago Mendes e João Paulo; Tiago Real e Araújo
Técnico: Ricardo Drubscky

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.