Tamanho do texto

Estádio que será usado na Copa do Mundo de 2014 terá capacidade total liberada pela primeira vez após reforma

O Campeonato Brasileiro de 2014 será aberto em um estádio que receberá jogos da Copa do Mundo. Reformado para o Mundial, o Beira-Rio sediará neste sábado seu primeiro jogo oficial com capacidade máxima após as obras. Internacional e Vitória jogarão às 18h30, horário de Brasília.

As duas equipes chegam para o confronto de estreia do Brasileirão em momentos diferentes. O Internacional vem embalado: no último domingo, a equipe goleou o rival Grêmio por 4 a 1 e conquistou o tetracampeonato gaúcho com autoridade. O objetivo, agora, é encerrar o longo jejum de 35 anos sem o título brasileiro - o último foi obtido em 1979.

"O Inter vai entrar forte no Brasileirão, mas tem que fazer valer dentro de campo. Sempre jogam a pressão para cima do Inter, então temos que ganhar, se não vão falar que só vamos bem no regional", projeta o lateral esquerdo Fabrício. "O Beira-Rio fazia muita falta, mas agora vai ficar difícil de ganhar da gente aqui", comemora o ala.

Brasileirão começa com cara de europeu e maioria dos times com atenção exclusiva

Em 2013, um dos motivos para a péssima campanha da equipe gaúcha (antes da punição à Portuguesa, no campo, o Inter foi o 15º colocado e escapou do rebaixamento só na última rodada), de acordo com jogadores e dirigentes, foi a ausência do Beira-Rio. Tendo que jogar em Caxias do Sul e Novo Hamburgo, o Colorado acabou realizando sua pior campanha em casa na história do Brasileirão por pontos corridos.

Para o jogo deste sábado, o técnico Abel Braga terá apenas um desfalque: o lateral direito Gilberto, que está em um período de treinos com a seleção brasileira sub-21. Cláudio Winck, destaque do time B no Gauchão, será seu substituto. De resto, a equipe estará completa. O zagueiro Juan, recuperado de dores musculares, voltará à equipe, deixando Ernando no banco.

O Vitória, ao contrário do Inter, vem de derrota na final do estadual para o rival Bahia. A perda do título se soma ao fracasso na Copa do Nordeste, onde o time baiano caiu nas quartas de final para o Ceará, sofrendo uma goleada de 5 a 1 em Fortaleza. O objetivo agora é se recuperar do mau começo de ano fazendo uma boa campanha no Brasileiro - em 2013, os baianos chegaram na 5ª colocação.

"Nessas duas primeiras competições que disputamos neste ano, fomos um desastre. "Saímos da Copa do Nordeste e perdemos o Campeonato Baiano. A gente está falando muito nesse ponto, que o Vitória fez uma campanha maravilhosa ano passado e que esse ano tinha que ser melhor. A gente sabe disso", reconhece o volante Neto Coruja.

Neste meio de semana, o Rubro-Negro enfrentaria o J. Malucelli, em Salvador, pela Copa do Brasil, mas a greve da PM da Bahia forçou o adiamento do jogo, devido à falta de policiamento. Para o jogo em Porto Alegre, o atacante Caio, emprestado pelo Inter, será desfalque. Vinícius, contratado junto ao Palmeiras, é a novidade na delegação.

Curiosamente, Internacional e Vitória fizeram também o jogo de abertura do Brasileirão do ano passado. A partida ocorreu na Fonte Nova e acabou empatada em 2 a 2 - mesmo resultado do jogo do returno, disputado no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X VITÓRIA

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
Data: 19 de abril de 2014, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse (ambos da Fifa/SP)

INTERNACIONAL: Dida; Cláudio Winck, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz, Alex, D’Alessandro e Alan Patrick; Rafael Moura
Técnico: Abel Braga

VITÓRIA: Wilson; Ayrton, Rodrigo Defendi, Luiz Gustavo e Juan; Neto Coruja, Cáceres, José Welison e Marquinhos; Dinei e Souza
Técnico: Ney Franco

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.