Tamanho do texto

David Moyes reclamou de desatenção da equipe inglesa depois do gol de Evra que abriu o placar em Munique na quarta-feira

Após a eliminação do Manchester United pelo Bayern de Munique nas quartas de final da Liga dos Campeões ao perder por 3 a 1 , o técnico escocês David Moyes afirmou que um erro coletivo "infantil" definiu o confronto. Após abrir o placar com Evra, aos 12 minutos do segundo tempo, o time inglês cedeu o empate apenas dois minutos depois, com gol marcado por Mandzukic, viu os bávaros crescerem no jogo e confirmarem a vaga com Muller, aos 22, e Robben, aos 31 minutos.

Veja a classificação, tabela de jogos, notícias e artilharia da Liga dos Campeões

"Cometemos um erro infantil. Aprende-se desde muito cedo que ao conseguir marcar um gol, não se deve ceder o empate logo no lance seguinte, e foi o que aconteceu conosco. Sei que é difícil, mas era preciso ter segurado a pressão por pelo menos cinco ou dez minutos. Perdemos a concentração", apontou o treinador.

Apesar das falhas, o escocês também elogiou o time e lembrou que foi eliminado pelo atual campeão da Liga dos Campeões. Praticamente fora da disputa pela vaga na competição no próximo ano no Campeonato Inglês, Moyes já fala em um projeto de retornar à Champions em 2015-2016.

"Não há vergonha em ser eliminado pelo Bayern, que é uma grande equipe. Jogamos muito bem e mostramos nossas qualidades. Mesmo com as falhas, estou satisfeito com o desempenho. Esperamos que seja apenas um ano fora da Liga das Campeões. Vamos nos reconstruir, estamos empenhados em voltar a disputar a competição", declarou.

    Leia tudo sobre: bayern de munique
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.