Tamanho do texto

Clube da Ilha do Retiro chegou à semi após ter a segunda melhor campanha do hexagonal final, à frente do adversário coral, que fez a terceira

O Arruda será palco do Clássico das Multidões que fará o primeiro confronto da semifinal do Campeonato Pernambucano. Neste domingo, Santa Cruz e Sport começam a duelar por uma vaga na decisão do estadual, às 16h (de Brasília). O Leão da Ilha do Retiro chegou à semi após ter a segunda melhor campanha do hexagonal final, à frente do adversário coral, que fez a terceira.

Para o importante embate, o goleiro Tiago Cardoso destacou a qualidade do elenco do Santa e disse que os adversários não são imbatíveis. Segundo ele, o Coral pode vencer em casa se mantiver a atenção e o foco durante o duelo inteiro. "Os nossos atletas são competentes. Isso todo mundo sabe. É agora ficar ligado, concentrado e mais focado. A gente sabe e trabalha a teoria todo dia aqui nos treinos. Precisamos só aplicá-la melhor na prática", declarou.

Nesta temporada, a equipe coral ainda não derrotou o Sport; foram três derrotas e um empate. Para deixar esse retrospecto para trás, o volante Memo lembra das conquistas do Estadual em 2011 e 2012, nas quais ele esteve presente, e as toma como motivação para o confronto deste domingo.

"As lembranças daqueles anos são muito boas. Nós sabemos que ainda não vencemos deles, mas essa hora é a de mentalizar só as coisas boas", destacou o jogador que deverá começar entre os 11 titulares escolhidos pelo técnico Vica. Sobre essa mudança, o atleta exaltou a prontidão. "Me sinto preparado. Trabalho sempre para poder jogar. Se o treinador optar por mim, vou dar o meu máximo", acrescentou.

O Sport segue em uma sequência pesada de jogos. Junto com a Copa do Nordeste a equipe também tem que manter o foco no Estadual. Mesmo com o desgaste físico, o atacante Felipe Azevedo garantiu que o Leão da Ilha do Retiro irá entrar em campo para sair com o melhor resultado possível, mesmo jogando fora dos próprios domínios.

"Nós não vamos para o jogo pensando em buscar o 0 a 0. Isso é uma arapuca que armaríamos para nós mesmos. Temos que tentar jogar normal. Se conseguir a vitória, ótimo. Se for empate, bom", destacou o jogador, que deverá ser titular após cumprir suspensão automática no último confronto contra o Ceará, ao Diário de Pernambuco .

O atacante ainda falou sobre o trabalho que o técnico Eduardo Baptista vem fazendo com o elenco para a conquista do campeonato. "O treinador está conversando muito com a gente para não se desligar do Pernambucano. Se não fizermos um resultado bom no domingo, teremos que buscar uma vitória para tentar se classificar nos pênaltis. Seria muito mais desgastante emocionalmente ter mais uma decisão assim", falou.

Náutico e Salgueiro também iniciam disputa por vaga na decisão

Primeiro colocado com a melhor campanha no hexagonal final, o Náutico visita neste domingo, às 16h (de Brasília), o Salgueiro. O confronto será o primeiro da disputa por uma vaga na final do Campeonato Pernambucano.

No Náutico, a principal novidade é o volante Elicarlos. O jogador se recuperou de dores na coxa na sexta-feira e o técnico Lisca, que havia montado uma equipe sem ele, teve que quebrar a cabeça para colocá-lo de volta ao time titular, já que é uma das peças principais do Timbu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.