Tamanho do texto

Pleito ao Conselho Deliberativo foi realizado na tarde deste sábado no Morumbi. Abdalla concorre à presidência do clube contra Carlos Miguel Aidar

Kalil Abdalla é candidato a suceder Juvenal Juvêncio na presidência do São Paulo
Rubens Chiri / saopaulofc.net
Kalil Abdalla é candidato a suceder Juvenal Juvêncio na presidência do São Paulo

Solange Blanco, secretária de campanha de Kalil Rocha Abdalla, candidato à presidência do São Paulo , teve o rosto atingido supostamente por uma lata, enquanto ocorria a eleição do Conselho Deliberativo do clube, neste sábado. A oposição acusa a situação de ser culpada pela agressão.

Leia:  Juvenal exalta própria gestão no São Paulo e se diz Padre Cícero do Morumbi

A funcionária de Kalil e o rapaz que se apresentou à Polícia Militar no momento (um associado que usava camisa amarela, cor da chapa de situação) foram encaminhados, em viaturas diferentes, ao 89º Distrito Policial, no Portal do Morumbi, para registro de Boletim de Ocorrência. Solange também teria realizado exame de corpo de delito.

O episódio ocorreu na parte externa do Morumbi, ao lado do comitê de campanha da chapa de oposição, enquanto um trio elétrico alugado pela situação, que é liderada pelo candidato Carlos Miguel Aidar, animava seus eleitores. Solange alega ter sido atingida por uma lata de alumínio e precisou levar quatro pontos cirúrgicos acima da sobrancelha .

Leia:  Sócio do São Paulo, Marin vota em Aidar por "gratidão" a Juvenal

Representantes da oposição acusam o lado adversário de ter praticado a agressão. Por sua vez, as lideranças da situação negam qualquer envolvimento com o ocorrido, embora tenham colocado um advogado à disposição do suposto agressor - João Biazzo, que trabalha no escritório de advocacia de Aidar, acompanhou o sócio até a delegacia.

Afora esse episódio, o clima no ginásio e no entorno do estádio foi de absoluta tranquilidade desde o começo da votação até o fechamento das urnas, às 17 horas. Fato enaltecido pelos dois lados.

A eleição deste sábado, no Morumbi, elege 80 conselheiros, os quais se juntarão a outros 155 vitalícios para, em 16 de abril, definir o sucessor de Juvenal Juvêncio na presidência do clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.