Tamanho do texto

Vitória contra time chileno no Maracanã carimba passaporte do clube carioca às oitavas de final da Libertadores

Botafogo se classifica em caso de vitória no Maracanã
Buda Mendes/Getty Images
Botafogo se classifica em caso de vitória no Maracanã

Em meio à crise por atrasos no salário dos jogadores, o Botafogo entra em campo às 19h45 (de Brasília) desta quarta-feira para encarar o Unión Española (do Chile) no Maracanã, pela penúltima rodada do grupo 2 da Libertadores. Além de amenizar os problemas extracampo, uma vitória garante a classificação às oitavas de final da competição continental.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Libertadores

Com sete pontos, o Botafogo lidera a chave. O perseguidor mais próximo é justamente o time chileno, que tem seis pontos. Além de alegrar a torcida, chegar às oitavas de final é sinônimo de mais receitas ao clube. 

"Precisamos fazer a lição de casa. O que vai nos garantir na próxima etapa é uma vitória dentro do Maracanã. Apesar do respeito ao adversário, estamos contando com esse resultado", disse o técnico da equipe, Eduardo Húngaro.

O discurso do comandante é parecido com o dos jogadores que, mesmo chateados com a diretoria, prometem muito empenho dentro das quatro linhas para saírem classificados.

"Podem ter certeza de que daremos nosso sangue dentro de campo. Estamos vindo de bons jogos em casa e faremos de tudo para repetirmos esse desempenho contra o Unión Española. Somos profissionais, temos uma história dentro do clube e ninguém vai relaxar por causa de problemas internos", garantiu o beque Bolívar.

Húngaro terá alguns desfalques importantes. O volante Gabriel e o atacante argentino Ferreyra cumprirão suspensão automática, graças a três cartões amarelos para cada um. Dessa forma, Mário Bolatti ganha a vaga no meio-campo e Henrique será o companheiro de Wallyson no ataque. Lucas segue na lateral.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X UNIÓN ESPAÑOLA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data : 2 de abril de 2014 (Quarta-feira)
Horário: 19h45(de Brasília)
Árbitro: Daniel Fedorczuk (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinosa (Uruguai) e Nicolas Taran (Uruguai)

BOTAFOGO: Jéfferson, Lucas, Dória, Bolívar e Julio César; Marcelo Mattos, Mario Bolatti, Jorge Wagner e Nicolás Lodeiro; Wallyson e Henrique
Técnico: Eduardo Húngaro

UNIÓN ESPAÑOLA: Diego Sánchez, Dagoberto Currimilla, Jorge Ampuero, Matías Navarrete e Nicolás Berardo; Lorenzo Faravelli, Luis Pavez, Cristian Chávez e Gustavo Canales; Matías Campos Toro e Sebastián Jaime
Técnico: José Luis Sierra

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.