Tamanho do texto

Jogadores do Real Madrid criticaram o árbitro Undiano Mallenco após a derrota para o Barcelona por 4 a 3

Cristiano Ronaldo comemora o terceiro gol do Real Madrid, marcado de pênalti
Andres Kudacki/AP
Cristiano Ronaldo comemora o terceiro gol do Real Madrid, marcado de pênalti

Nesta segunda-feira, o Comitê Técnico de Árbitros abriu uma denúncia contra as declarações de Cristiano Ronaldo e Sergio Ramos após o polêmico clássico entre Real Madrid e Barcelona . Agora, o Comitê de Competições da Federação Espanhola de Futebol irá analisar o caso e pode punir os atletas merengues.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Os jogadores do Real Madrid criticaram duramente o desempenho do árbitro Undiano Mallenco no clássico espanhol. No duelo, o juiz assinalou três pênaltis, sendo dois para o Barcelona, sofridos por Iniesta e Neymar, e um para o time da casa, quando Daniel Alves derrubou Cristiano Ronaldo na entrada da área.

Confira classificação, jogos, notícias e artilharia do Campeonato Espanhol

"O pênalti em Cristiano foi fora e o de Xabi (em Iniesta) houve contato, mas não suficiente para isso. Neymar buscou o contato comigo e já tinha arrancado em impedimento. Se quiseram equilibrar a escalação no Campeonato Espanhol, conseguiram. Espero que Undiano não apite mais jogos nossos na temporada. Que nos deixem disputar títulos", disparou Sergio Ramos logo após a partida.


Mais contido, Cristiano Ronaldo também insinuou um suposto favorecimento ao Barcelona. "Em uma partida entre Real e Barça, o árbitro precisa estar à altura. Undiano cometeu muitos erros, estava branco e nervoso. Dá para imaginar que não é apenas dentro de campo que se ganha partidas", declarou o português.

Com o resultado, o Real Madrid perdeu a liderança do Espanhol para o Atlético de Madri. As duas equipes estão com 70 pontos. Em terceiro, está o Barcelona, com 69 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.