Tamanho do texto

Vitória por 4 a 1 dá vantagem confortável ao time de Paulo Autuori para o segundo duelo da semifinal do estadual

O Atlético-MG precisou de apenas 45 minutos para resolver o primeiro jogo da semifinal do Campeonato Mineiro diante do América-MG , no Independência. A vitória por 4 a 1 contou com gols de Otamendi, Guilherme e Jô no primeiro tempo e Neto Berola no segundo. Tchô diminuiu para os donos da casa. O resultado garante aos atleticanos uma vantagem muito grande no segundo confronto, que vale vaga para a grande decisão do estadual.

Confira tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Mineiro

Otamendi comemora um dos gols do Atlético-MG no Independência
Cristiane Mattos/Futura Press
Otamendi comemora um dos gols do Atlético-MG no Independência

A partida de volta será no próximo sábado, às 18h30 (de Brasília), também no Independência, mas, dessa vez, com o mando de campo do Atlético-MG, que jogará sem Marcos Rocha e Leandro Silva, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. O vencedor encara Cruzeiro ou Boa Esporte na final do Mineiro.

O jogo

O Atlético-MG abriu o placar logo no primeiro minuto da partida, jogando um balde de água fria nos planos ofensivos do América-MG. Diego Tardelli cobrou falta pela direita, a bola foi desviada por Dátolo, pegou na trave, e Otamendi completou para o fundo do gol de Matheus.

O Galo voltou a incomodar aos 20 minutos, com Guilherme, que ficou cara a cara com Matheus e bateu rasteiro, mas a bola foi desviada pelo camisa 1 e saiu pela linha de fundo. Aos 27, Berola cruzou da direita, Jô desviou e Dátolo encheu o pé, porém, o arqueiro do América fez mais uma boa defesa.

Dominando o jogo, o Atlético-MG chegou ao segundo gol aos 35 minutos, com Jô, após cruzamento de Neto Berola. O atacante da seleção brasileira se jogou na bola e enganou o goleiro Matheus, ampliando o marcador. Aos 40, Guilherme cobrou pênalti com muita categoria e a primeira etapa terminou 3 a 0 para o Galo.

O atual campeão da Libertadores da América começou o segundo tempo com o mesmo ímpeto ofensivo dos primeiros 45 minutos de jogo. Aos dois, Dátolo cruzou da esquerda e Neto Berola, sem sair do chão, cabeceou para o fundo das redes, acabando com qualquer esperança do América-MG de reagir: 4 a 0.

Finalmente, aos 11, o Coelho conseguiu criar sua primeira chance de perigo. Obina deixou para Willians, que invadiu a área e bateu cruzado, mas a bola foi para fora e goleiro Victor só acompanhou. Inspirado, o time do técnico Paulo Autuori seguiu firme no campo de ataque, mas encerrou a contagem nos quatro gols.

No finalzinho, o América-MG conseguiu diminuir com Tchô. Após cruzamento da esquerda, ele subiu livre de marcação para cabecear para o fundo das redes. Victor ainda tentou segurar, mas acabou deixando a bola passar.

*Com Gazeta

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 1 X 4 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data : 23 de março de 2014, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Cleisson Veloso Pereira (CBF/FMF)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (CBF/FMF) e Wesley Moreira de Carvalho (CBF/FMF)
Cartões amarelos: Ricardinho, Willians (América); Neto Berola, Marcos Rocha, Leonardo Silva (Atlético-MG)
Gols: 
Atlético-MG: Otamendi, a 1 minuto, Guilherme, aos 40 minutos do primeiro tempo; Neto Berola, aos dois minutos do segundo tempo.
América-MG: Tchô, aos 41 minutos do segundo tempo

AMÉRICA-MG: Matheus; Elsinho, Lula, Leandro Guerreiro e Gilson; Diego Henrique (Elvis), Andrei Girotto, Willians (Betinho) e Tchô; Ricardinho e Obina (César Lucena).
Técnico: Moacir Junior

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Otamendi e Dátolo; Josué (Claudinei), Leandro Donizete; Diego Tardelli (Alex Silva), Guilherme e Neto Berola (Marion); Jô.
Técnico: Paulo Autuori

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.