Tamanho do texto

Meia deve ganhar a vaga de Marcelo Moreno para o duelo diante do Defensor, em Belo Horizonte

Julio Baptista, meia do Cruzeiro
Vipcomm
Julio Baptista, meia do Cruzeiro

Classificado para as semifinais do Mineiro, o Cruzeiro passa a foca o duelo decisivo desta quinta-feira, contra os uruguaios do Defensor, pela Libertadores. A Raposa precisa vencer o jogo no Mineirão para continuar com chances de classificação no Grupo 5 da principal competição de clubes das Américas.

Para não ser surpreendido, o técnico Marcelo Oliveira deverá fazer mudanças na equipe. O volante Lucas Silva, que não vinha atuando será titular contra os uruguaios, mas é no ataque que a mudança mais significativa pode ocorrer. O treinador celeste tem dúvidas se começa partida com Marcelo Moreno, que vem sendo o titular, ou opta por Júlio Baptista. O lateral paraguaio Samudio também pode ganhar oportunidade.

Júlio Baptista e Samudio foram titulares no jogo contra o Tombense, pelo Mineiro, mas foram substituídos no segundo tempo. Marcelo Oliveira explicou que a ideia era não desgastar os atletas já pensando no jogo de quinta-feira. "Se participassem do jogo todo, talvez tivessem de ficar até dois dias fazendo trabalho regenerativo, e não poderíamos observá-los trabalhando no time. São dois jogadores bons, experientes, e vamos ajustar isso durante esses dias que temos", disse o treinador, que completou.

"São dois candidatos, principalmente o Júlio, que gostei dessa participação. Ele tem bom cabeceio e experiência. A questão do Samudio vamos observar também, mas é provável que eu utilize, durante os treinamentos, tanto o Marcelo Moreno quanto o Júlio Baptista", declarou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.