Tamanho do texto

Clássico contra o Vasco no próximo domingo vai apontar quem será o segundo lugar da primeira fase antes do mata-mata

O Fluminense não conseguiu superar o Duque de Caxias na tarde de domingo e o empate por 2 a 2 abriu caminho para que o Flamengo conquistasse a Taça Guanabara e consequentemente a vantagem de atuar por empates a partir das semifinais para conquistar o título. Apesar disso, os tricolores estão evitando qualquer clima de desânimo. A ordem agora é garantir a segunda colocação, que também dá vantagem, mas somente na semifinal e não em uma eventual decisão diante do Flamengo.

Walter cabeceia para marcar um dos gols do Fluminense no empate por 2 a 2 com o Duque de Caxias pelo Campeonato Carioca
Flickr/Fluminense
Walter cabeceia para marcar um dos gols do Fluminense no empate por 2 a 2 com o Duque de Caxias pelo Campeonato Carioca


Na segunda colocação com 27 pontos, o Fluminense tem dois de vantagem para Vasco e Cabofriense, seus concorrentes diretos. O Cruz-Maltino, por sinal, é rival dos tricolores no clássico do próximo domingo, às 18h30(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 14ª rodada. Ganhando, o Fluminense praticamente atinge esse objetivo.

"Infelizmente não conseguimos a primeira colocação e a vantagem nas fases próximas da competição. Porém, ainda podemos terminar na segunda posição, o que nos dá uma pequena vantagem na semifinal pelo menos. É em cima disso que precisamos trabalhar daqui para frente. Temos que terminar essa etapa na melhor posição possível e lutaremos por isso", disse o volante Jean.

O meia Chiquinho pensa de maneira parecida. "Nós temos dois jogos pela frente ainda por esta primeira fase e boas condições de garantirmos logo a segunda colocação, que nos dá a vantagem nas semifinais. Portanto, o nosso foco já está todo no clássico contra o Vasco, que será mais um jogo muito complicado ", disse Chiquinho, que também pode ser utilizado na lateral esquerda.

O técnico Renato Gaúcho fez coro ao discurso dos jogadores. "Não conseguimos o primeiro lugar, mas agora vamos brigar pela segunda posição. O importante neste momento é começarmos a trabalhar pensando no clássico contra o Vasco, pois é um confronto direto e isso o torna ainda mais complicado. Temos que vencer esse duelo para darmos um bom passo rumo ao nosso objetivo, embora a Cabofriense também esteja brigando", disse Renato, evitando demonstrar que sentiu o golpe pelo empate, já que foi muito criticado por preservar alguns titulares neste domingo.

Como a segunda-feira foi de folga para os jogadores do Fluminense, apenas nesta terça-feira à tarde, nas Laranjeiras, o elenco começa a pensar no clássico contra o Vasco. Para este compromisso Renato Gaúcho não poderá contar com o zagueiro Elivélton, que vai cumprir suspensão por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo no empate com o Duque de Caxias. Como Gum retorna de suspensão, Leandro Euzébio vai permanecer entre os titulares.

Além dele, jogarão ainda os atletas que foram preservados diante do time da Baixada Fluminense. Um deles, o atacante Fred abriu mão da folga para treinar mais uma vez e vem mostrando que está cada vez mais disposto a mostrar ao técnico Luiz Felipe Scolari que ele deve ser nome certo na relação de convocados para a Copa do Mundo que começa em junho. A lista sairá no dia 9 de maio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.