Tamanho do texto

Treinador diz que é importante ver reservas em ação e promete time forte mesmo sem escalar o que tem de melhor

Líder isolado do Campeonato Mineiro com 20 pontos e com vaga já garantida nas semifinais do Estadual, o Cru z eiro vai visitar o Nacional, em Muriaé, nesta quarta-feira, com um time de reservas. O torcedor que for ao estádio Soares de Azevedo, às 19h30 (de Brasília), verá uma Raposa forte, mesmo sem ter as principais estrelas.

Quem garante isso é o técnico Marcelo Oliveira, que afirma que o Cruzeiro tem vários atletas de qualidade que precisam jogar para ganhar ritmo. "Com certeza teremos um time forte, porque o elenco é bom e esses jogadores estão querendo participar", disse o treinador, que explicou que é importante poupar jogadores pensando também na disputa da Libertadores.

Leia mais: Nilton se anima e diz que Cruzeiro tem time "de outro mundo"

"Essa situação de jogar com jogadores que não vem jogando é muito mais pelas duas competições. É uma oportunidade de ver os jogadores que não vêm jogando e também de dar ritmo para ele, pois, mais para frente, podem ter de jogar", comentou Marcelo Oliveira.

Um dos jogadores mais motivados para o duelo em Muriaé é o lateral-direito Mayke, que quer mostrar serviço para o técnico Marcelo Oliveira, e ainda vai ganhar um apoio extra para o duelo contra o Búfalo. A família do jogador estará presente no estádio Soares de Azevedo. Mayke é natural de Carangola, apenas 85 km de Muriaé, distância que será facilmente superada por parentes e amigos para ver o atleta em ação contra o Nacional.

Para este jogo, o único jogador que obrigatoriamente está fora é o zagueiro Dedé, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Minas Boca e vai cumprir suspensão. Como o defensor já ficaria fora por ser poupado vai aproveitar para cumprir a automática contra o Nacional, e assim fica liberado para atuar nas próximas rodadas do Mineiro.

No Nacional, o time comandado por Marcelo Cabo se quer teve folga no feriado de Carnaval, após retornar de Belo Horizonte no último sábado, quando perdeu para o América-MG, o time retornou rapidamente a rotina de treinamentos. A equipe de Muriaé precisa de um bom resultado contra o Cruzeiro para minimizar o risco de rebaixamento.

O time da Zona da Mata ocupa apenas o décimo lugar na tabela com sete pontos em oito jogos, e de acordo com as contas do técnico Marcelo Cabo a equipe precisa chegar aos 11 pontos para não correr risco de queda. Diante do Cruzeiro, o treinador sabe das dificuldades, mas acredita em um bom resultado em casa.

"Estamos com sete pontos e acreditamos que com onze é possível nos livrar da zona de rebaixamento. O primeiro confronto da série é contra o Cruzeiro. Nós sabemos da dificuldade, já que estaremos enfrentando o atual campeão brasileiro. Porém, não podemos fugir da responsabilidade. Vamos trabalhar e tentar pontuar em casa", declarou. FICHA TÉCNICA
NACIONAL X CRUZEIRO

Local: Estádio Soares de Azevedo, em Muriaé (MG)
Data: 05 de março de 2014, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wanderson Alves de Souza (CBF/FMF)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (CBF/FMF) e Júnior Antônio da Silva (FMF)

NACIONAL: João Carlos; Fabrício, Xandão, Rafael Silva e Rafael Estevam; Marcão, Iuri Oliveira, Léo Medeiros e Júnior Lemos; Danilo e Luizão
Técnico: Marcelo Cabo

CRUZEIRO: Elisson; Mayke, Léo, Wallace e Luan; Souza, Henrique, Tinga e Marlone; Elber e Willian
Técnico: Marcelo Oliveira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.