Tamanho do texto

Combinação de resultados da rodada garante o Coritiba entre oito primeiros colocados

Em um jogo difícil no Couto Pereira, o Coritiba arrancou um empate em 2 a 2 com o Prudentópolis e, com 18 pontos, garantiu uma vaga para a próxima fase do Campeonato Paranaense 2014, já que com a combinação de resultados possível não poderá ficar fora do G8 na última rodada. O Prude, por sua vez, com 15 pontos, está muito próximo de garantir um lugar no mata-mata.

Alex lamenta gol do Prudentópolis
CLEBER YAMAGUCHI/Agência Eleven/Gazeta Press
Alex lamenta gol do Prudentópolis

O time do interior abriu o placar logo aos dois minutos da primeira etapa, com Wellinghton, que aproveitou contra-ataque para balançar as redes. Aos 40 minutos, aproveitando confusão na área, Germano deixou tudo igual. Depois do intervalo, Vinícius, aos sete minutos, colocou o Prude novamente na frente. Mas, Keirrison, aos 29 minutos, garantiu o ponto.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrenta o Londrina, domingo, no Estádio do Café. Já o Prudentópolis define seu destino em casa, no mesmo dia, diante do Cianorte, no Estádio Newton Agibert.

O jogo - Com o plano de montar um ferrolho e segurar o resultado fora de casa, Prudentópolis viu sua missão ficar mais confortável logo aos dois minutos, em contra-ataque rápido que parou nos pés de Wellinghton, que tocou para o fundo das redes. O Alviverde tentou reagir e, aos sete minutos, Robinho chutou cruzado, a bola desviou na zaga e carimbou o travessão.

O Coxa partiu para o ataque, mas ficou desorganizado, deixando a defesa aberta. Aos 15 minutos, Germano arriscou de longe e acertou a defesa adversária. O Prude chegou com perigo novamente aos 20 minutos, com Luizinho, que apareceu na cara do gol e bateu para fora. O técnico Dado Cavalcanti fora de campo gesticulava tentando arrumar a equipe.

O Prudentópolis estava bem postado e deixava o jogo truncado, aumentando o nervosismo coxa-branca. Aos 36 minutos, Alex cobrou falta e a bola subiu demais, sem direção. Mas, aos 40 minutos, levantamento na área, o goleiro Marcos Paulo trombou com o ataque alviverde e sua própria defesa, mas bola sobrou para Germano empurrar para as redes, para muita reclamação do time do interior.

Para a segunda etapa, o Coritiba voltou com Victor Ferraz no lugar de Moacir, enquanto os visitantes tiraram Luciano para a entrada de Vinícius. Logo no primeiro lance, o atacante recebeu na área e chutou cruzado pela linha de fundo. Aos cinco minutos, Júlio César recebeu em ótima posição, mas se atrapalhou e chutou para fora. Mas quem chegou ao gol foi o Prude. Aos sete minutos, Vinícius recebeu sozinho e bateu cruzado para fazer o segundo.

O técnico Dado Cavalcanti apostou então nas entradas de Norberto e Keirrison. Aos 17 minutos, sem melhores opções, Robinho arriscou o chute e isolou. Aos 22 minutos, Alex também tentou de longe e a bola passou perto. Na resposta, Néverton fez a jogada individual e chutou para fora, com muito perigo. Ao contrário do que se esperava a equipe do interior saia para o jogo, aproveitando os espaços.

O empate veio só aos 29 minutos, com o K9, Keirrison, que aproveitou cruzamento de Gil para testar firme par ao fundo das redes. O Prude não se retraiu. Aos 31 minutos, Luizinho deixou Chico no chão e fuzilou para grande defesa de Vanderlei. Keirrison entrou bem na partida e aos 33 minutos arriscou o tiro para boa intervenção de Marcos Paulo. Aos 44 minutos, o Prudentópolis desperdiçou a chance de sair com a vitória com Vinícius, que com liberdade total, chutou para fora.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.