Tamanho do texto

Aranha e Alan Santos valorizaram o empate por 0 a 0, mas também lamentaram chances desperdiçadas por atacantes

Apesar de revoltados com o pênalti que o árbitro desistiu de anotar sobre Rildo, os jogadores do Santos não chegaram a deixar o Morumbi insatisfeitos, neste domingo. Os comandados de Oswaldo de Oliveira consideraram positivo o ponto que ganharam no empate sem gols com o São Paulo.

Santos segura placar em branco e mantém jejum do São Paulo em clássicos

"É melhor do que perder", resumiu o goleiro Aranha, que trabalhou bastante no clássico. "A gente teve boas oportunidades para fazer o gol e ganhar o jogo. Infelizmente, não conseguimos", complementou.

O meio-campista Alan Santos também valorizou o que a sua equipe criou ofensivamente. "A gente teve um monte de chances com o Leandro Damião e o Thiago Ribeiro e não aproveitou. Mas é assim mesmo. Clássico é decidido nos detalhes", disse, recorrendo a um bordão habitual no futebol. 

De qualquer forma, o jovem foi mais um a valorizar os 23 pontos que o líder Santos alcançou no grupo C do Campeonato Paulista. "Está bom. Tiramos dois pontos do São Paulo aqui dentro", sorriu Alan Santos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.