Tamanho do texto

Técnico lembrou que está construindo uma equipe nova e goleiro e capitão já vê o São Paulo mais competitivo

Ceni marcou gol na derrota do São Paulo para a Ponte Preta no Campeonato Paulista
Rubens Chiri/São Paulo
Ceni marcou gol na derrota do São Paulo para a Ponte Preta no Campeonato Paulista

Passadas sete rodadas do Campeonato Paulista, o São Paulo acumula quatro vitórias no Morumbi e três derrotas como visitante, a última delas neste domingo, para a Ponte Preta , em Campinas. Apesar da campanha irregular, seu técnico e seu capitão acreditam que, até as fases decisivas, a equipe estará equilibrada e forte.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"Estamos construindo um novo time, mudando completamente o dos outros anos, principalmente o do ano passado. Com certeza, no final do Campeonato Paulista, estaremos com um time bastante forte", aposta Muricy Ramalho.

Leia também: Ceni marca, mas Ponte leva melhor e mantém São Paulo sem vencer longe do Morumbi

O treinador já recebeu quatro reforços (os laterais Luis Ricardo e Álvaro Pereira, o volante Souza e o atacante Dorlan Pabon) e, em breve, passará a contar também com o ex-corintiano Alexandre Pato. Nomes que dão nova cara ao time que, no segundo semestre passado, lutou basicamente para escapar da segunda divisão nacional.

E mais: Sem poder usá-lo agora no Paulista, São Paulo não tem pressa para ter Pato

"Vamos montar um time grande. Para jogar no São Paulo, tem que ser tecnicamente superior, controlar o jogo e se impor na casa do adversário. Time grande tem que se impor. Isso é da personalidade do atleta também. Tem jogador que só joga bem em casa, não pode", continuou.

E ainda: Muricy se preocupa com gols sofridos, mas não culpa só zaga

O capitão Rogério Ceni, autor do único gol são-paulino no revés por 2 a 1, em Campinas, fez elogios aos jogadores recém-chegados e seguiu a linha de pensamento do comandante, esperançoso de uma reação no campeonato.

"Hoje, o São Paulo já tem mais um time mais competitivo em relação àquele que começou o ano. Em mais nove rodadas, temos que fazer esse time estar pronto para estar entre os oito finalistas e brigar pelo título. Temos que ter um time bom suficiente para ser campeão", falou.

Das nove rodadas restantes, a primeira será no sábado que vem, dia em que Ceni e companhia enfrentam a Portuguesa, no Morumbi, palco das únicas quatro vitórias até o momento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.