Tamanho do texto

Punição recebida já nos acréscimos da etapa final obriga atacante a cumprir suspensão no jogo contra o rival

Emerson convenceu Mano Menezes de que merecia a vaga de Paolo Guerrero e foi titular no empate por 1 a 1 do Corinthians com o Mogi Mirim . Teve atuação razoável e, cometendo falta de necessidade bastante questionável aos 46 minutos do segundo tempo, recebeu o terceiro cartão amarelo.

Corinthians interrompe série de derrotas empatando com o Mogi Mirim

O Sheik, assim, não poderá enfrentar o arquirrival Palmeiras - dono, de longe, da melhor campanha do Campeonato Paulista - no clássico marcado para o próximo domingo, no Pacaembu. Questionado sobre a suspensão automática que terá de cumprir no Derby, o atacante foi sucinto: "Pois é".

Corintiano Emerson Sheik tenta passar pela marcação do Mogi Mirim em jogo do Paulistão
Gazeta Press
Corintiano Emerson Sheik tenta passar pela marcação do Mogi Mirim em jogo do Paulistão

O cartão amarelo de Emerson provavelmente devolverá Guerrero ao time titular alvinegro - ou preto e amarelo, se a escolha de vestuário de Mogi for repetida em São Paulo. Outro que provavelmente sairá, por opção técnica, é Zé Paulo, que não foi bem no interior.

O garoto foi substituído no intervalo por Danilo, que fez a equipe melhorar bastante no segundo tempo. Mano ainda espera finalmente contar com Renato Augusto no clássico e também pensa em promover a estreia de Jadson. Assim, Cachito Ramírez é mais um que pode perder espaço entre os titulares.

Seja como for, a escalação será escondida até momentos antes da partida. O treinador do Corinthians já avisou que não divulgará escalações e chegou a fazer treino fechado antes de um jogo contra o Bragantino. Diante do Palmeiras, é de se esperar um mistério ainda maior.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.