Tamanho do texto

"O tempo que passei neste maravilhoso clube será sempre o melhor período da minha carreira", disse o defensor

Vidic vai deixar o Manchester United
AP
Vidic vai deixar o Manchester United

O Manchester United está prestes a perder seu capitão. Após recusar renovação de contrato, o zagueiro Nemanja Vidic anunciou nesta sexta-feira que deixará o clube ao final desta temporada, quando seu vínculo termina.

"Decidi que sairei ao final desta temporada. Quero novos desafios e vou tentar dar o meu melhor nos próximos anos", afirma o zagueiro, que já fala em tom de despedida. "O tempo que passei neste maravilhoso clube será sempre o melhor período da minha carreira. Nunca imaginaria vencer 15 troféus e certamente jamais esquecerei aquela fantástica noite em Moscou", relembra, citando a conquista da Liga dos Campeões da Europa sobre o rival Chelsea, em 2008.

Além do torneio continental, as oito temporadas no time inglês renderam a Vidic a taça do Mundial de Clubes, também em 2008, e o pentacampeonato do Campeonato Inglês. Três títulos da Copa da Liga e cinco Community Shield completam o currículo do defensor. Todos os troféus foram vencidos sob comando de Sir Alex Ferguson, que foi responsável por sua contratação em janeiro de 2006, por sete milhões de euros (cerca de R$ 22,5 milhões).

Nas últimas semanas, alguns boatos sobre a transferência do jogador para rivais dos Red Devils surgiram na Inglaterra, mas o zagueiro promete ao torcedor vermelho que não defenderá nenhum outro clube na terra da Rainha. "Não considero permanecer na Inglaterra, porque o único clube pelo qual desejava jogar aqui é o Manchester United", declara. "Espero que isso acabe com as especulações sobre meu futuro", completa Vidic.

Apesar do anúncio, o jogador garante que não vai tirar o pé das divididas nestes últimos jogos pela equipe inglesa. "Agora vou focar nas partidas do Manchester United e darei o meu máximo pelo time até o final da temporada", finaliza.

Se perder Vidic já é um grande desfalque para David Moyes, o treinador também pode deixar de ter o experiente Rio Ferdinand à disposição, já que o contrato deste também se encerra em junho e ele estuda aposentadoria. Caso Ferdinand pendure as chuteiras, Moyes passaria a ter apenas Phil Jones, Smalling e Evans para o miolo de zaga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.