Tamanho do texto

Técnico admite que time perde em marcação, mas aposta na liderança do volante frente à Chapecoense

Depois marcar um gol de falta, na vitória por 3 a 2 sobre o Metropolitano , Marcos Assunção terá mais uma chance de mostrar serviço no Figueirense . Sem Paulo Roberto, lesionado, o treinador Vinícius Eutrópio garantiu o experiente volante entre os titulares na partida dessa quarta-feira, às 22h (de Brasília), contra a Chapecoense, na Arena Condá.

"Será um jogo bem complicado, pois a Chapecoense é uma equipe bem montada e estruturada. Vamos entrar em campo em busca de mais uma vitória", disse Assunção, que já começa a projetar uma temporada bem diferente de 2013. "Espero que esse ano seja diferente para mim, e ser reconhecido pelo o que eu amo fazer, me deixa muito feliz. Quero trazer muitas alegrias aos torcedores do Figueirense. Que venham as próximas rodadas".

Leia mais:  Assunção festeja gol na estreia: "Voltei a me sentir útil"

Ciente da boa fase atravessada pelo experiente jogador, Vinícius Európio sabe que perderá poder de marcação com a entrada de Marcos Assunção, mas confia a liderança do volante dentro de campo. "O Paulo tem as melhores características dos volantes, marca e é bom armador. Com o Assunção a gente ganha em outros quesitos, diminui a pegada, mas ganhamos a experiência, a liderança dele em campo", disse o comandante.

Ainda com mistério para definir o Figueirense, Vinícius Európio não garante quem será o responsável pela armação de sua equipe. Depois de jogar com Giovani Augusto no meio de campo, o treinador aprovou a entrada de Vitor Júnior. "Agora, mais adaptado, entrando bem 45 minutos, (Vitor Júnior) está próximo de ser titular e a gente espera que qualquer um dos que jogue faça um futebol e mantenham a média das boas atuações".

Caso escolha Giovanni Augusto, o treinador terá um time mais cadenciado no meio de campo, enquanto Vitor Júnior coloca mais velocidade no esquema ofensivo. Apesar da dúvida, o Figueirense entrará em campo com a seguinte escalação: Thiago Volpi; Leandro Silva, Nirley, Thiago Heleno, Marquinhos Pedroso; Rivaldo, Marcos Assunção, Vitor Júnior (Giovanni Augusto); Wesley, Everton Santos, Lúcio Maranhão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.