Tamanho do texto

Roberto Dinamite confirmou a aposentadoria do jogador que concederá entrevista coletiva na segunda-feira

Juninho Pernambucano vai se aposentar e não jogará o Carioca
Divulgação/Vasco
Juninho Pernambucano vai se aposentar e não jogará o Carioca

Juninho Pernambucano não jogará mais pelo Vasco. Após a goleada por 4 a 0 aplicada sobre o Audax-RJ , o presidente Roberto Dinamite confirmou a aposentadoria do experiente jogador. Ídolo da torcida, Juninho sofreu uma lesão na coxa direita no fim do ano passado e alega dificuldades para recuperar a forma física. 

Veja também : Relembre o adeus de Juninho a Recife, onde foi revelado

"Quero tornar oficial a decisão do Juninho Pernambucano. Conversamos e ele decidiu encerrar carreira. Na segunda-feira, o jogador vai dar uma coletiva para se despedir como atleta do Vasco", afirmou o mandatário.

O técnico Adilson Batista lamentou a perda. "Foi um privilégio trabalhar em período curto com o Juninho. Sei que é difícil passar por isso. A carreira, a história, conquistas, um exemplo de profissional... Tem uma história muito bonita aqui e sempre será lembrado", disse o técnico. 

Apesar de treinar com o elenco neste início da temporada, o meia chegou a revelar que poderia pendurar as chuteiras antes do contrato encerrar. Com a insistência do próprio Dinamite e Rodrigo Caetano, ele decidiu se preparar para o Campeonato Carioca. Em entrevista coletiva, concedida quando assinou o vínculo de seis meses, Juninho Pernambucano admitiu que a pré-temporada para ele estava sendo difícil e não prometeu cumpri o vínculo até o fim.

Em novembro do ano passado, após sair machucado da partida contra o Santos, Juninho já abrira a possibilidade de antecipar a aposentadoria. Na ocasião, o vascaíno sofreu uma lesão nos dois músculos adutores da coxa direita e perdeu o restante da temporada que culminou no rebaixamento do Vasco. 

Juninho começou a carreira no futebol defendendo o Sport e contabiliza nela cerca de 800 partidas, mais de 200 gols e a idolatria dos torcedores do Lyon, da França, e do Vasco. O jogador é um dos mais vitoriosos da história do time carioca, tendo conquistado seis títulos: Campeonato Brasileiro (1997 e 2000), Campeonato Carioca (1998), Copa Libertadores da América (1998), Torneio Rio-São Paulo (1999) e Copa Mercosul (2000).


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.