Tamanho do texto

Sem participar neste ano, time colombiano foi campeão em 2004 passando por Santos, São Paulo e Boca Juniors

A Libertadores de 2014 começa nesta terça-feira com os primeiros jogos dos confrontos que definirão as seis vagas restantes na fase de grupos. Na lista dos 38 clubes participantes desta edição, não consta o nome daquele que causou muita surpresa ao conseguir se sagrar campeão continental dez anos atrás: o Once Caldas.

Veja também:  Falta de tradição gringa fortalece times do Brasil na Libertadores

Once Caldas: time colombiano ganhou a Libertadores de 2004 eliminando São Paulo e Santos
MARCELO FERRELLI/Gazeta Press
Once Caldas: time colombiano ganhou a Libertadores de 2004 eliminando São Paulo e Santos

Em 2004, o time colombiano chegou praticamente sem experiência na Libertadores. Afinal de contas, aquela era apenas a terceira participação do Once Caldas na competição. Nas duas anteriores, em 1999 e em 2002, não conseguiu passar da fase de grupos. 

Não é só pela falta de tradição até então que o Once Caldas surpreendeu ao conquistar a Libertadores de 2004. Os três últimos adversários que enfrentou no caminho para chegar até o título estão entre os maiores vencedores da competição.

O goleiro Henao foi um dos destaques do Once Caldas campeão da Libertadores de 2004
Getty Images
O goleiro Henao foi um dos destaques do Once Caldas campeão da Libertadores de 2004

Nas quartas de final, teve pela frente o tricampeão Santos -- que tinha dois títulos até então. Na Vila Belmiro, Basílio abriu o placar aos 38 do segundo tempo para a equipe brasileira, mas Valentierra empatou para os colombianos cinco minutos. O mesmo Valentierra fez o gol que deu a vitória e a classificação ao Once Caldas em Manizales.

Em seguida, quem apareceu pela frente foi o São Paulo. Outro brasileiro tricampeão da América -- e que também ainda somava dois títulos na época. No primeiro jogo, empate sem gols no Morumbi. Em Manizales, Alcázar e Danilo marcaram no primeiro tempo e deixaram o placar empatado. Aos 45 do segundo tempo, quando a decisão nos pênaltis parecia inevitável, Agudelo balançou as redes e carimbou o passaorte da equipe da casa para a final. 

O adversário na decisão foi o Boca Juniors, que tinha sido cinco vezes campeão até aquela edição e que venceria o sexto título dali a quatro anos. Os dois confrontos terminaram empatados: 0 a 0 na Argentina, 1 a 1 na Colômbia. Nos pênaltis, brilhou a estrela do goleiro Henao, que defendeu duas cobranças e colocou o Once Caldas na lista de campeões da Libertadores.

Pós-título

A conquista continental permitiu ao clube colombiano disputar mais dois títulos internacionais na sequência: o Mundial contra o Porto, ainda em 2004, e a Recopa Sul-Americana diante do Porto, no ano seguinte. Perdeu ambos. Depois disso, disputou a Libertadores mais três vezes. Em 2005, como atual campeão, e em 2010, não conseguiu passar das oitavas de final. No ano de 2010, finalmente voltou a vencer um mata-mata ao despachar o Cruzeiro, que tinha feito a melhor campanha da fase de grupos. Mas as surpresas acabaram logo em seguida, nas quartas de final, quando foi eliminado pelo Santos -- campeão daquela edição. 

As duas últimas idas à Libertadores aconteceram graças aos títulos conquistados na Colômbia: o Apertura de 2009 e o Clausura de 2010. Nas últimas temporadas, porém, a equipe de Manizales passou em branco nas competições nacionais e não conseguiu voltar a brigar pelo principal título do continente. 

Em 2011, chegou à final do Clausura, mas acabou sendo superada pelo Junior Barranquilla. No ano segunite, fez campanha fraca e apareceu na parte de baixo da tabela de classificação, pasasndo longe das fases decisivas. Em 2013, parou na segunda fase tanto no Apertura quanto no Clausura. 

Sem a chance de lutar por um novo título no ano em que comemora uma década da conquista da Libertadores, o Once Caldas iniciou a temporada com uma vitória por 3 a 1 sobre o Fortaleza, pela primeira rodada do Apertura. Segundo o técnico Flabio Torres, o time tem peças o suficiente para sonhar alto neste ano. Uma das peças do elenco que busca fazer a equipe retornar ao principal torneio do continente é justamente Henao, que hoje tem 42 anos e ocupa a posição de recordista de jogos pelo clube. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.