Tamanho do texto

Patrocinadora do clube, admitiu finalizar o acordo se o francês não for demitido após comemoração polêmica

Nicolas Anelka pensa em aposentadoria
Getty Images
Nicolas Anelka pensa em aposentadoria

Após comemorar um gol com um gesto antissemita, popularizado pelo comediante Dieudonné, o centroavante Nicolas Anelka tem seu futuro indefinido no West Bromwich. Além da repercussão negativa por parte dos torcedores ingleses, a Zoopla, patrocinadora do clube, admitiu finalizar o acordo financeiro se o francês não fosse demitido. Neste contexto, o jogador recebeu uma proposta da Lazio, mas rejeitou o clube de Roma e expôs pensar na aposentadoria.

Conheça a nova página de futebol internacional do iG

"Obrigado ao Lazio e a todos os outros clubes que quiseram me contratar nos últimos dias. Vejo vocês no próximo verão (europeu, em junho) se eu decidir continuar", sintetizou Anelka, em seu perfil no Twitter.

Adiante, Anelka ressaltou sua insatisfação com sua situação no West Brom: "A questão é: por que eu deveria deixar meu clube e a Inglaterra? Estou feliz aqui e não fiz nada errado. Agora é hora de permanecer concentrado no meu futebol. Tentarei fazer meu melhor em campo, como sempre faço", admitiu.

Com um histórico de torcedores da ultradireita, é especulado que a Lazio realizou tal proposta pela posição política do jogador. Frequentemente, no estádio Olímpico de Roma, os integrantes da "Irriducibili" fazem apologia ao nazismo, expondo faixas e bandeiras escritas. A mais famosa delas, traz consigo a mensagem: "Auschwitz vossa Pátria, os fornos vossas casas".

O próximo desafio do West Bromwich no Campeonato Inglês será nesta quarta-feira, às 17h45 (de Brasília), diante do Aston Villa, em Birmingham.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.