Tamanho do texto

Satisfeito, o presidente chegou a reunir os garotos do time para uma palavra de apoio pelo esforço mostrado na final

Nos últimos anos, a própria direção do Corinthians reconhecia um déficit de suas categorias de base, priorizando esforços para o departamento profissional e até a contratação de medalhões como Ronaldo, Roberto Carlos e Alexandre Pato. Mas o presidente Mário Gobbi considera que a campanha em 2014 na Copa São Paulo de Juniores resgatou o trabalho do clube com os jovens.

Santos segura a pressão, bate o Corinthians e é campeão da Copinha

Santos e Corinthians fizeram a final da Copa São Paulo no Pacaembu
Lucas Baptista/Futura Press
Santos e Corinthians fizeram a final da Copa São Paulo no Pacaembu

O dirigente se mostrou emocionado com a campanha corintiana mesmo com a derrota na final da Copinha, neste sábado, diante do Santos, no Pacaembu. "Nosso futebol de base deu um exemplo, fomos campeões no sub-13, sub-15, sub-17 e vice na Copinha. Jogamos dentro das nossas tradições, estamos no caminho certo", avisou Gobbi.

Na decisão contra o Santos, o Corinthians iniciou a partida perdido e levou dois gols no primeiro tempo. Mas, na etapa complementar, o Timão acordou, descontou o placar e deu um verdadeiro sufoco no campeão nos minutos finais da partida. Por pouco o empate não saiu.

Satisfeito, Gobbi chegou a reunir os garotos do time para uma palavra de apoio pelo esforço apresentado na decisão. "Falei que todos estão de parabéns, foi uma atuação brilhante, que nos enche de orgulho, esse time honrou o que é o Corinthians", confirmou.

Por outro lado, Gobbi fez questão de exaltar a força do adversário, que conquista a Copa São Paulo de Juniores pelo segundo ano consecutivo. "Parabéns ao Santos, com justiça o bicampeão", encerrou o mandatário.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.