Tamanho do texto

Dirigente abriu mão do cargo após tribunal espanhol decidir investigar a contratação de Neymar pelo clube

Reuters

O presidente do Barcelona, Sandro Rosell, anunciou nesta quinta-feira que renuncia ao cargo após um tribunal espanhol decidir investigar a contratação do atacante brasileiro Neymar, no ano passado.

Neymar publica foto sorrindo e é criticado por jornal espanhol

"O sucesso que o clube teve veio junto com momentos difíceis para mim e para minha família", disse Rosell em entrevista coletiva após reunião da junta diretiva do clube atual campeão espanhol.

Sandro Rosell ao lado de Neymar no momento da assinatura de contrato com o Barcelona
Miguel Ruiz/Barcelona
Sandro Rosell ao lado de Neymar no momento da assinatura de contrato com o Barcelona

"Houve ameaças e acusações que fazem você considerar sua posição, incluindo a alegação de apropriação indevida de recursos e o caso do tribunal. Sempre disse que agimos corretamente na transferência de Neymar", acrescentou.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.