Tamanho do texto

Time do Paraná atua totalmente modificado pela política de rodízio implantada pelo técnico Milton Mendes

Paraná perdeu do Maringá
Site oficial
Paraná perdeu do Maringá

Com um time totalmente modificado pela política de rodízio implantada pelo técnico Milton Mendes, o Paraná Clube perdeu no fechamento da segunda rodada do Campeonato Paranaense 2014 para o Maringá, por 1 a 0, em plena Vila Capanema, desperdiçando a chance de seguir na liderança. A ponta da classificação ficou com o time do norte do Estado, única a ter 100% de aproveitamento.

A equipe do interior abriu o placar logo aos dois minutos, com Gabriel Marcos, que aproveitou falha de Marcos para completar para as redes e garantir a segunda vitória do time mais jovem da competição, ainda sem perdeu em sua primeira participação na primeira divisão.

Na próxima rodada, o Paraná Clube terá pela frente o clássico diante do Coritiba, domingo, no Estádio Couto Pereira. Já o Maringá encara o J.Malucelli, no mesmo dia, no Eco Estádio Janguito Malucelli.

O jogo

O Tricolor criou a primeira oportunidade logo no primeiro minuto, com Marco Aurélio, que tentou cruzar e quase encobriu o goleiro Ney. Porém, na resposta, Gabriel Marcos, aproveitando falha do goleiro Marcos, só teve trabalho de empurrar para as redes e abrir o placar. O Paraná tentou reagir, aos 10 minutos, com Marco Aurélio, que na cara do gol furou.

O time da casa dominava as ações, mas não conseguia acertar o último lance. Aos 12 minutos, Marco Aurélio desviou no primeiro pau, pela linha de fundo. Depois da correria inicial, a partida ficou mais truncada, com forte marcação de ambos os lados. Aos 24 minutos, cruzamento na medida de Fernando Gabriel e Ney deixou a meta para interceptar.

Vacilo da defesa do Maringá, aos 28 minutos, e a bola sobrou para Léo, que passou por Ney mas, na sequência, chutou em cima do goleiro. Aos 32 minutos, Fábio partiu para a jogada individual, mas ficou sem a bola antes de entrar na área. Sem muitas opções, Serginho limpou a marcação, aos 41 minutos, e arrematou em cima da defesa.

Após o intervalo, o Tricolor voltou com Cambará no lugar de Marco Aurélio. Com mais intensidade, o Paraná tentava se impor e, aos cinco minutos, Gerônimo arriscou um chute forte que saiu pela linha de fundo, com perigo. Aos oito minutos, de voleio, Léo tentou acertar a bola e errou o alvo.

Mais Paraná no ataque e, aos 13 minutos, cabeçada mortal de Júnior Lopes após cobrança de escanteio e Fernandinho tirou em cima da linha. No lance seguinte, Fernando Gabriel chutou colocado e a bola passou por cima da meta. O Maringá esperava para se aproveitar dos erros do Tricolor. Aos 20 minutos, Nhaylor saiu errado e Gabriel Barcos chutou para fora, perdendo uma rara oportunidade.

O técnico Milton Mendes povoou o ataque paranista, partindo para o tudo ou nada. Aos 27 minutos Paulo Roberto arriscou de longe e Ney espalmou pra ceder escanteio. Aos 38 minutos, Fernando Gabriel cobrou falta na área e a defesa tirou para escanteio. A resposta veio com Fábio, que aos 43 minutos chutou da intermediária, sem perigo. Agora o Tricolor um clássico para se recuperar.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 0 X 1 MARINGÁ

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 23 de janeiro de 2014, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Assistentes: João F. M. Brischiliari e Everson de Souza
Cartões amarelos: Zé Leandro (Maringá)

Gol:
MARINGÁ:
Gabriel Barcos, aos 02 minutos do primeiro tempo

PARANÁ CLUBE: Marcos; Gerônimo (Danilo Galvão), Naylhor, Junior Lopes e Breno; Elyeser (Carlinhos), Paulinho Oliveira, Fernando Gabriel e Marco Aurélio (Cambará); Léo e Paulo Roberto
Técnico: Milton Mendes

MARINGÁ: Ney, Reginaldo, Marcelo Xavier, Fabiano e Fernandinho; Zé Leandro, Serginho Paulista, Léo Maringá e Max (Pequi); Fábio Martins (Leandrinho) e Gabriel Barcos
Técnico: Claudemir Sturion

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.