Tamanho do texto

Ex-atacante de Portuguesa e Santos fez primeiro jogo pelo Palmeiras e aprovou estreia do time no Paulistão

O atacante Diogo foi o único reforço do Palmeiras escalado entre os titulares na partida de abertura do Campeonato Paulista, diante do Linense, no sábado. Presente durante os 90 minutos da vitória por 2 a 1, o ex-jogador da Portuguesa fez uma avaliação positiva do próprio desempenho do Pacaembu, mesmo reconhecendo que precisa evoluir.

Palmeiras vence Linense na estreia do Paulistão e começa centenário em paz

"Foi uma estreia boa, levando em conta a falta de ritmo e a ansiedade. Claro que posso melhorar muito mais, mas está de bom tamanho pelo tempo que tivemos para treinar", comentou.

Formado nas categorias de base da Portuguesa, Diogo foi negociado em 2008 com o Olympiacos, retornando ao Brasil em 2010 para passagens apagadas por Flamengo e Santos. No ano passado, o jogador atuou novamente pela Lusa, até chamar a atenção do Palmeiras.O atacante explicou que o apoio do time foi importante em sua adaptação no clube. "Tenho de agradecer aos companheiros, porque parece que eu os conheço há muito tempo. É um grupo maravilhoso, que me abraçou", afirmou.

Para esta temporada, além do ex-jogador da Lusa, o Palmeiras também contratou os zagueiros Lúcio e Victorino, o volante França, o lateral esquerdo William Matheus, o meia Marquinhos Gabriel e o atacante Rodolfo.

"Vai ter uma disputa boa, mas com cada um respeitando o espaço do outro. É bom para o Gilson, e o Palmeiras só tem a ganhar com isso", completou Diogo, que terá em breve a concorrência de Leandro, com contrato renovado e em fase de recuperação do condicionamento físico.