Tamanho do texto

Gobbi convocou seu secretário para assumir a diretoria. Roberto de Andrade sai para trabalhar candidatura

Mário Gobbi conversa com Ronaldo Ximenes, novo diretor de futebol do Corinthians
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Mário Gobbi conversa com Ronaldo Ximenes, novo diretor de futebol do Corinthians

O Corinthians anunciou o desligamento dos seus dois diretores de futebol nesta quinta-feira. Para o lugar de Roberto de Andrade e Duílio Monteiro Alves, que ocuparam a função por três anos, o presidente Mário Gobbi indicou Ronaldo Ximenes, seu secretário particular, e o ex-capitão do time, Alessandro, que será coordenador técnico. 

Deixe seu comentário para a notícia

"Foi uma honra incomparável. Mas compromissos de outras naturezas me impedem de, nesse momento, dedicar-me ao departamento com a intensidade necessária", disse Roberto de Andrade em nota.

Fora da diretoria, Andrade poderá trabalhar sua candidatura a presidente nas eleições do final de 2014. Ele é o principal nome do grupo de Andrés Sanchez, no poder desde outubro de 2007. 

"Eles acham que fecharam um ciclo no futebol do Corinthians. É normal isso, eu já também passei por essa fase. Por mais que eu tentasse demovê-los da ideia, os argumentos pela saída foram mais fortes e eu tenho que respeitar a vontade dos dois", disse Mário Gobbi.

Ximenes, o novo diretor de futebol, é braço direito de Gobbi desde os tempos em que ele era diretor de futebol (de 2007 a 2010) e ocupava o cargo de secretário especial da presidência desde que Gobbi assumiu a presidência, em fevereiro de 2012.

"A partir de amanhã, ele (Ximenes) é o novo diretor de futebol. Sempre esteve comigo, convivemos juntos. Ele me acompanha nesses dois anos e alguma coisa em que estou na presidência. Foi uma escolha unânime. Todos depositamos uma confiança enorme nele e vislumbramos um futuro brilhante", disse o presidente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.