Tamanho do texto

Zagueiro chegou a sentir uma indisposição durante os trabalhos no CT Rei Pelé e teve que receber atendimento

Recém-chegado, Leandro Damião pinga de suor no treino do Santos
Flickr/Santos F.C.
Recém-chegado, Leandro Damião pinga de suor no treino do Santos

Os jogadores do Santos sofreram com o calor no sábado, em mais um dia da pré-temporada alvinegra. Eles trabalharam sob comando do técnico Oswaldo de Oliveira e tiveram de se hidratar constantemente por causa do sol forte. O zagueiro Walace chegou a sentir uma indisposição e teve de ser atendido.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

Foi apenas um susto, e o novo treinador pôde observar a velocidade imposta pelos atletas em campo. Com o gramado reduzido, três times e quatro gols, o ritmo foi intenso, justamente o que buscava o chefe. Só eram permitidos três toques na bola de cada um.

Não participaram dessa atividade os zagueiros Edu Dracena e Neto, o lateral esquerdo Mena e o agora meia Léo. Ainda em um estágio anterior nos trabalhos físicos, eles foram comandados pelo preparador Marco Alejandro. Chegaram a ter contato com bola, mas apenas simularam algumas ações de jogo, sem se juntar aos companheiros.

A semana que vem terá mais treinos técnicos e táticos, com menos exercícios meramente físicos. A ideia é alternar os enfoques para que o Santos chegue ao próximo sábado em condições de fazer uma boa estreia no Campeonato Paulista, contra o XV de Piracicaba, na Vila Belmiro.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.