Tamanho do texto

Zagueiro passou 2013 contundido, mas o dirigente aposta que ele será o grande reforço do clube neste ano

Mesmo tento concretizado a chegada de Roger Carvalho ainda em 2013, Juvenal Juvêncio não perde a oportunidade de colocar o zagueiro como grande reforço do Saõ Paulo para este ano. Mas o defensor, que na temporada passada usou as instalações do Reffis para se recuperar de lesão muscular, garante que não se sente pressionado com os elogios feitos pelo presidente.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Minha relação com o Juvenal é antiga. Desde que jogava no Figueirense era pra ter vindo pra cá (em 2012), mas acabaram surgindo uns imprevistos e só agora conseguimos chegar a um acordo. Fico muito feliz que o Juvenal Juvêncio fale bem da minha pessoa. Isso não me pressiona, isso me motiva cada vez mais para chegar em campo e fazer meu melhor", assegurou o defensor.

Outro motivo que poderia abalar Roger psicologicamente é tempo curto que ainda resta de seu contrato com o São Paulo. O vínculo inicial foi assinado até o final de abril, mas a diretoria tricolor e o empresário Eduardo Uram já teriam conversas adiantadas para estendê-lo. Com essa retaguarda, o beque garante entrar despreocupado e totalmente focado em mostrar seu futebol.

E mais: Cañete celebra nova chance no São Paulo para apagar má impressão deixada

"Já estou aqui desde agosto só tratando a lesão, mas já conheço como funciona tudo. O Campeonato Paulista será importante para todos, não só para mim. Vou tentar representar muito bem o time, porque aí beneficio ao clube a mim. Já tenho conversas pré-estabelecidas para ficar que me dão tranquilidade e motivação para o Paulistão", afirmou.

Mercado da bola: veja o entra e sai de atleta e os boatos que envolvem seu clube

Desde que começou a treinar com o restante do grupo no final do ano passado, Roger Carvalho tem ganhado elogios também da comissão técnica. O setor defensivo do São Paulo foi um dos mais criticados na última temporada e o jogador é visto pelo técnico Muricy Ramalho como uma peça que pode corrigir os erros apresentados em 2013.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.