Tamanho do texto

Ex-jogador lamentou a morte do português, a quem venceu no Mundial de Clubes de 1962

Pelé derrotou Eusébio jogando pelo Santos contra o Benfica no Mundial de Clubes de 1962 e, quatro anos depois, o português revidou com dois gols contra a seleção brasileira, eliminada na primeira fase da Copa do Mundo de 1966. Mas foi exatamente naquele Mundial que Pelé se tornou amigo de quem, hoje, lamenta a morte.

"Lamento a morte do meu irmão Eusébio. Ficamos amigos na Copa de 66 na Inglaterra. Nosso último encontro foi no recente jogo entre Brasil e Portugal em Boston. Meus pêsames a seus familiares. Que Deus o receba de braços abertos", manifestou-se.

Pelé publicou em redes sociais fotos suas ao lado de Eusébio quando ambos ainda eram jogadores. O último encontro dos dois ocorreu em setembro, quando o Brasil derrotou Portugal em amistoso disputado nos Estados Unidos.

Melhor jogador da história de Portugal, Eusébio morreu na madrugada deste domingo , aos 71 anos. O ex-atacante não resistiu a uma parada cardiorrespiratória. Seu corpo está sendo velado no Estádio da Luz, que pertence ao Benfica, time do qual foi ídolo nas décadas de 1960 e 70.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas