Tamanho do texto

Com dores, o lateral do Corinthians atuou até onde conseguiu e precisou passar por uma cirurgia em 2013

Fábio Santos, lateral do Corinthians
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Fábio Santos, lateral do Corinthians

Fábio Santos terminou 2013 afastado por causa de um problema no púbis que o acompanhou durante boa parte do segundo semestre. Ainda em recuperação das lesões sofridas na sensível região, ele quer caprichar no trabalho de preparação e voltar sem pressa a defender o Corinthians.

"Prefiro fazer uma pré-temporada um pouquinho mais longa, mesmo perdendo um ou dois jogos, porque isso vai acabar me ajudando lá na frente. Foi isso o que me prejudicou no ano passado, tive muitas dificuldades do meio do ano para a frente", afirmou o lateral à Rádio Globo .

Com dores, Fábio atuou até onde conseguiu e precisou passar por uma cirurgia em setembro. Ele voltou apressadamente para atuar contra o Grêmio, pela Copa do Brasil, e acabou sentindo novamente o problema. Agora, a ideia é uma recuperação plena até a estreia em 2014, apenas no segundo mês da temporada.

"Para se curar totalmente, você precisa de no mínimo três meses. Como voltei rapidamente depois da cirurgia, isso me prejudicou um pouco. Já faz 80 dias que estou paradão. Acho que, fazendo uma boa pré-temporada, vou estar apto a jogar no comecinho de fevereiro", comentou.

Como o reforço Uendel estará pronto, o técnico Mano Menezes não deverá apressar a recuperação de Fábio Santos. "Antes de sair de férias, conversei com fisioterapeutas e diretores. Acredito que eles já tenham adiantado alguma coisa para o Mano. Vamos conversar e ver o que é melhor, mas acho que não haverá problemas", concluiu o lateral.