Tamanho do texto

Zagueiro não atua desde 8 de maio de 2013, quando sofreu lesão na coxa atuando pelo Bologna, da Itália

O zagueiro Roger Carvalho tem até 15 de abril deste ano, quando acaba seu contrato, para mostrar ao São Paulo que merece um novo vínculo. Depois de se recuperar de lesão e assinar com o clube no segundo semestre do ano passado, ele projeta um bom início definitivo com a camisa tricolor para estender sua permanência.

Roger Carvalho, zagueiro do São Paulo
Site Oficial/saopaulofc.net
Roger Carvalho, zagueiro do São Paulo

"Saber que poderei trabalhar com o restante do grupo, sem limitações ou restrições, me deixa muito animado. Quero brigar por um lugar na equipe e mostrar o meu futebol. O São Paulo é um clube grande, e todo jogador quer defender essa camisa", disse ao site do clube.

Roger Carvalho não atua desde 8 de maio de 2013, quando sofreu lesão não muito comum na coxa, durante derrota do Bologna para o Napoli, pelo Campeonato Italiano. Ao encerrar seu vínculo com a equipe europeia, retornou ao Brasil para fazer tratamento e passou a se recuperar no Reffis.

Desde agosto no São Paulo, o beque de 27 anos assinou contrato até o final do Campeonato Paulista, mas com a opção de ampliação automática do vínculo se agradar à comissão técnica, atualmente chefiada por Muricy Ramalho.

"Acredito que tudo será diferente, porque vou começar a temporada do zero. Vou pegar a preparação desde o começo, com os meus companheiros, e isso ajuda muito. Estou esperançoso de que 2014 será um ano muito bom e produtivo", falou o jogador, que chegou a ser relacionado para o último compromisso da temporada passada, mas não entrou em campo.

Para cavar seu espaço e convencer que pode ficar, Roger Carvalho enfrentará a concorrência de Rodrigo Caio, Antonio Carlos, Paulo Miranda, Rafael Toloi, Edson Silva e Lucas Silva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.