Tamanho do texto

Pleno da entidade recusou recurso do clube que pediu impugnação do jogo contra Atlético-PR na última rodada

O Vasco teve na tarde desta sexta-feira a sua terceira derrota no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) na tentativa de se manter na Série A do Brasileiro. O Pleno da entidade recusou o recurso do clube que pediu impugnação do jogo contra o Atlético-PR na última rodada, quando os cariocas foram goleados e rebaixados.

LEIA: Portuguesa tem punição mantida, perde pontos, é rebaixada e Flu se salva

Antes do julgamento desta sexta-feira, o presidente do STJD reprovou o pedido duas vezes. Desta vez, os auditores e o relator presentes negaram o recurso por unanimidade, em julgamento que teve a presença do presidente do clube, Roberto Dinamite, mostrando tanta discordância que chegou a ouvir um pedido de silêncio do auditor.

Os argumentos de defesa vascaínos foram contra a CBF e quem permitiu a realização do jogo na Arena Joinville com poucos policiais. A partida ficou mais de uma hora paralisada por conta de pancadaria entre torcedores dos dois clubes nas arquibancadas.

O Vasco apontou irregularidade no tempo de paralisação do jogo, superior ao previsto. O Atlético-PR não viu irregularidade no caso e ouviu a concordância dos votantes. Os dois clubes, agora, tentarão diminuir as perdas de mando de campo pela confusão, mas os julgamentos só serão realizados no ano que vem.