Tamanho do texto

Em 2014, time verá o rival Grêmio disputar a Libertadores enquanto tenta montar time forte para o 2º semestre

Sob o comando do técnico Dunga e com o rival Grêmio concentrado na disputa da Copa Libertadores, o Internacional não teve qualquer dificuldade para começar 2013 conquistando mais um título estadual. Consistente durante todo o torneio, o time venceu o 1º turno (Taça Piratini) com uma goleada por 5 a 0 sobre o São Luiz e o 2º (Taça Farroupilha) batendo o Juventude nos pênaltis, conquistando o Gauchão de forma antecipada.

Abel Braga é apresentado no Internacional
Site oficial
Abel Braga é apresentado no Internacional

As alegrias do time na temporada, no entanto, terminaram por aí. Mesmo com um elenco apontado como um dos melhores do país, o time demonstrou instabilidade durante todo o Campeonato Brasileiro. Em nenhum momento brigou pelas primeiras posições e, graças a uma sequência de resultados negativos na reta final, só se livrou do rebaixamento na última rodada. Já em novembro, o meia D'Alessandro afirmou: "a gente não pode comemorar nada este ano".

Mercado da bola: veja as transferências que movimentam o futebol brasileiro

Na Copa do Brasil não foi muito diferente. O Inter passou por times como Rio Branco do Acre, Santa Cruz, América-MG e Salgueiro, mas caiu nas quartas de final diante do Atlético-PR, único adversário da primeira divisão que enfrentou. Os resultados nas duas competições acarretaram na demissão do técnico Dunga, substituído pelo ex-goleiro Clemer.

Em 2014, mais uma vez o Inter vai começar a temporada se dedicando exclusivamente ao Campeonato Gaúcho enquanto vê o Grêmio disputando a Libertadores. A diretoria, porém, sabe que a pressão será grande por um título relevante e o retorno à competição continental em 2015. Por isso, tem se movimentado bastante em busca de reforços.

Wellington Paulista e Dida já foram apresentados como reforços para 2014
Divulgação/Internacional
Wellington Paulista e Dida já foram apresentados como reforços para 2014

Prioridades

Mesmo podendo chegar ao tetracampeonato consecutivo, o Campeonato Gaúcho está longe de ser um sonho de consumo para o Inter. Por isso, o primeiro semestre de 2014 deve se resumir a "secar" o Grêmio na Libertadores enquanto o time ganha tempo para se moldar para os meses realmente decisivos da temporada.

Volante Aránguiz, da Universidad de Chile, está perto do Inter

Abel Braga sabe que dificilmente será pressionado antes da pausa para a Copa do Mundo. Mas, no segundo semestre, sua "obrigação" será levar o time à disputa de títulos no Brasileirão e na Copa do Brasil. Caso o time não chegue ao menos próximo do título em uma das duas competições, a pressão de torcida e diretoria será grande.

Elenco reforçado com antigo ídolo e veteranos

A primeira chegada de peso confirmada para 2014 foi a do técnico Abel Braga, campeão mundial com o clube em 2006. Depois do comandante, também foram anunciados os zagueiros Paulão e Ernando. E, na tarde de quinta-feira, foram apresentados mais dois reforços bastante "rodados": o goleiro Dida, transferido justamente do rival Grêmio, e o atacante Wellington Paulista, que estava no Criciúma.

Dida e Wellington Paulista são apresentados no Internacional

Outras especulações de reforços para o time envolvem os volantes Arouca e Cícero, ambos do Santos, os atacantes Nilmar (Al Rayyan) e Osvaldo (São Paulo) e o meia chileno Aranguiz, da Udinese. Enquanto isso, já deixaram o time os atacantes Leandro Damião e Gilberto e o lateral-esquerdo Kléber. E ainda podem sair nomes como Fabrício, Rafael Moura e Forlán.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas