Tamanho do texto

Após reunião que atravessou a madrugada, treinador definiu sua volta ao clube. Será sua quinta passagem no Flu

Renato Gaúcho comandou o Fluminense em quatro outras ocasiões. Em 2008, levou o time à final da Libertadores
Photocamera
Renato Gaúcho comandou o Fluminense em quatro outras ocasiões. Em 2008, levou o time à final da Libertadores

A longa reunião realizada na noite do sábado que só terminou na madrugada deste domingo decidiu que Renato Gaúcho será o técnico do Fluminense na próxima temporada. Em encontro na casa do presidente da patrocinadora da equipe, Celso Barros, e teve a presença do presidente do clube, Peter Siemsen.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A princípio, o mandatário tricolor preferiria que Ney Franco assumisse o comando do elenco, mas acabou cedendo às vontades da patrocinadora, que optou por Renato Gaúcho. O novo treinador deve levar às Laranjeiras o auxiliar Alexandre Mendes e o preparador de goleiros Victor Hugo e não perde tempo, tendo indicado dois nomes para Celso Barros, um meia e um atacante.

Mercado da bola: veja o entra e sai de atleta e os boatos que envolvem seu clube

A chegada de Renato ao Fluminense não é inédita. Esta será a quinta passagem do treinador pelo Fluminense como treinador. De 2002 para cá, foram quatro oportunidades no comando tricolor, sendo que, na terceira, levantou a taça da Copa do Brasil e levou o time à final da Copa Libertadores do ano seguinte.

O último trabalho de Renato foi à frente do Grêmio , que foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro deste ano, lugar que rendeu vaga na Libertadores do ano que vem. Apesar de ter finalizado o torneio nacional na 17ª colocação, o Fluminense acabou beneficiado indiretamente pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que puniu a Portuguesa, e fica na primeira divisão.

* Com Gazeta Esportiva