Tamanho do texto

Chileno foi emprestado pelo Napoli ao Grêmio e Santos manifestou interesse. Mas São Paulo entrou na briga

Vargas é pretendido pelo São Paulo, que negocia com o Napoli seu empréstimo
Edu Andrade/Fatopress/Gazeta Press
Vargas é pretendido pelo São Paulo, que negocia com o Napoli seu empréstimo

Jogador do Napoli, o atacante Eduardo Vargas esteve emprestado ao Grêmio, para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série A, e despertou o interesse do Santos em contar com seu futebol. Porém, a inserção de novos concorrentes na disputa pelo chileno afastou o atleta da Vila Belmiro e irritou a diretoria santista. Principalmente, o superintendente de futebol, André Zanotta, que contestou o “leilão” feito pelo clube italiano, à medida que novos clubes apareceram.

Um dos clubes que fazem frente ao Santos para ter Vargas é o São Paulo, que enviou seu gerente de futebol, Gustavo Vieira de Oliveira, à cidade de Nápoles, para discutir valores contratuais. O time do Morumbi, no primeiro semestre, tentou contar com o atacante por empréstimo, mas não obteve sucesso na negociação.

Mercado da bola: veja as transferências que movimentam o futebol brasileiro

Porém, neste contexto, a diretoria são-paulina cogita adquirir parte dos direitos do chileno, contando com o auxílio de investidores. O nome do atleta se intensificou após a saída de Welliton, que retornou ao Spartak Moscou, da Rússia.

Entretanto, não é apenas o São Paulo que entrou na disputa pelo chileno. Um clube inglês, um alemão e um ucraniano também apresentaram propostas vantajosas financeiramente.

Defendendo o Grêmio, Vargas disputou 37 partidas e balançou as redes em nove oportunidades. Caso não consiga o acerto com o atacante, o Santos voltará suas atenções para o atacante Rildo, vice-campeão da Copa Sul-americana, defendendo a Ponte Preta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.