Tamanho do texto

Lateral-esquerdo de 23 anos não chegou a um consenso com a diretoria e está fora do time goiano

Nesta sexta-feira, a diretoria do Goiás expôs a saída do lateral-esquerdo William Matheus. Os mandatários do Esmeraldino não chegaram a um consenso com o representante do defensor e o entrave culminou na dispensa do atleta, de 23 anos. Com um ano inconstante, o jogador não era unanimidade entre os torcedores.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Contratado junto ao Vasco, no início desta temporada, o lateral-esquerdo chegou a Goiânia com a função de substituir Egídio, que fora contratado pelo Cruzeiro. Na primeira competição que disputou com o Esmeraldino, o Campeonato Goiano, William Matheus fora vaiado por diversas vezes e oscilou de produção. Porém, com a confiança de Enderson Moreira, realizou um bom trabalho no Campeonato Brasileiro da Série A, despertando nos mandatários goianos o interesse na renovação. Porém, as partes não chegaram em um acordo.

William Matheus deixa o Goiás com 59 jogos disputados, sendo 34 deles na Série A. Na elite nacional, balançou as redes em duas oportunidades, nas partidas contra Internacional (16ª rodada) e Fluminense (24ª rodada).