Tamanho do texto

Treinador ficou mais de dois anos no clube e fez questão de se despedir de todos

Enderson Moreira é apresentado no Grêmio
Flickr/Grêmio
Enderson Moreira é apresentado no Grêmio

Anunciado como novo técnico do Grêmio, Enderson Moreira divulgou nesta terça-feira uma carta de despedida do Goiás, time que dirigiu nos últimos dois anos e três meses. Satisfeito com os resultados conquistados no clube, o treinador exalta o pensamento coletivo da equipe no período em que esteve no banco de reservas e faz questão de despedir-se de todos os profissionais. 

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

"Dois anos e três meses de trabalho árduo, muita dedicação e, acima de tudo, muito aprendizado. Assim defino a minha passagem pelo Goiás. Já fazia uma grande ideia, mas foi aqui que descobri o verdadeiro significado da palavra equipe. Desde o primeiro momento, foi o time que prevaleceu, fomos no limite o tempo inteiro. O resultado não poderia ser outro: conquistas, reconhecimento no cenário nacional e, consequentemente, o resgate do orgulho de ser esmeraldino", exalta Enderson.

No decorrer da carta, Enderson agradece à cúpula e ao futuro presidente do Goiás, Sérgio Rassi. Além disso, comentou a entrega da comissão técnica esmeraldina e a boa convivência com todos os funcionários no dia-a-dia do clube. A torcida, porém, mereceu atenção maior do ex-comandante esmeraldino, que garante ter o desejo de retornar ao clube no futuro.

"A torcida também merece minha gratidão e meu aplauso por nunca abandonar a equipe, mesmo nos momentos de maior dificuldade. Fizemos o possível para alçar grandes voos pelo Goiás e saio feliz com boa parte das metas cumpridas, embora fosse meu desejo que conquistássemos ainda mais pelo clube.Não vejo minha saída como um adeus, mas como um até breve. Espero um dia ter a honra de voltar a dirigir esse gigante do futebol brasileiro", conclui.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.