Tamanho do texto

Atacantes foram pedidos por Muricy Ramalho, mas valores pedidos assustaram a diretoria

Vargas esteve nos planos do São Paulo
Edu Andrade/Fatopress/Gazeta Press
Vargas esteve nos planos do São Paulo

Sonhos antigos da diretoria do São Paulo , os atacantes Rafael Sóbis e Vargas não devem ser os novos reforços da equipe para a temporada 2014. Segundo a diretoria são-paulina, os altos valores envolvidos em uma possível negociação tornam o acordo difícil.

Deixe seu comentário para esta notícia

"Rafael Sóbis sem dúvida nenhuma é um sonho de consumo, mas quando acordamos desse sonho vemos a realidade. Sua vinda para o São Paulo custaria muito dinheiro, pelo interesse do Fluminense de mante-lo. Não diria que é impossível, mas vejo como muito distante", declarou João Paulo de Jesus Lopes, vice-presidente de futebol, em entrevista à "Rádio Transamérica".

Já Eduardo Vargas, que atuou pelo Grêmio em 2013, pertence ao Napoli e está perto de fechar com o Santos, é outro sonho dos dirigentes que está longe de se tornar realidade.

"O interesse pelo Vargas existiu e permanece, dada a sua qualidade. Mas entendemos que a diretoria do Napoli é muito difícil de negociar, faz exigências de difícil aceitação. As informações que a gente tem é que o Napoli tem interesse de vender o jogador na Europa no meio de 2014, após a Copa do Mundo. Na expectativa deles, deverá valorizar o jogador", arrematou.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.