Tamanho do texto

Luis Suárez fez dois gols na goleada do Liverpool por 5 a 0 neste domingo

Suarez brilha na goleada do Liverpool contra o Tottenham
Paul Gilham/Getty Images
Suarez brilha na goleada do Liverpool contra o Tottenham

Mesmo sendo visitante, o Liverpool não tomou conhecimento do Tottenham e o venceu por 5 a 0, neste domingo. O destaque da partida no White Hart Lane foi o uruguaio Luis Suárez, que fez dois gols, deu duas assistências e indiretamente ainda causou a expulsão do ex-corintiano Paulinho.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

O ótimo resultado na 16ª rodada firma ainda mais o Liverpool na caça à ponta - tem pontuação inferior apenas à do líder Arsenal (33 contra 35), que foi derrotado pelo Manchester City, no sábado. O Tottenham, por sua vez, freia sua boa sequência e estaciona nos 27 pontos ganhos.

Confira a tabela de classificação do Campeonato Inglês

O triunfo começou a ser escrito aos 19 minutos: Suárez recebeu dentro da área, deixou um marcador para trás com um toque de direita e, de perna esquerda, bateu rasteiro para vazar o goleiro e mexer no placar pela primeira vez. Um belo gol, mas apenas a primeira mostra do que ele faria.

O segundo poderia ter saído nove minutos mais tarde, quando Philippe Coutinho recebeu passe na entrada da área e chutou em direção ao gol. Mas a bola acertou o travessão. Menos sorte ainda teve o também brasileiro e adversário Sandro, que, no minuto seguinte, machucou-se e forçou a primeira alteração no Tottenham.

Melhor na partida, o Liverpool não demorou a ampliar a vantagem, porém. Aos 40 minutos, Henderson arriscou da entrada da área, e Lloris ofereceu sobra. Suárez quase o encobriu, mas o goleiro fez excelente defesa novamente. No terceiro rebote, Henderson tinha a meta quase vazia à frente e não desperdiçou.

No segundo tempo, a equipe visitante passou perto do terceiro. Passados cinco minutos do intervalo, Sakho acertou cabeceio na trave direita, após cruzamento vindo da esquerda. Skrtel ficou com a sobra, mas chutou a bola à esquerda do gol, para alívio do goleiro Lloris, que já havia se irritado com a defesa.

A missão de Lloris e seus companheiros ficou ainda mais complicada depois que Paulinho foi expulso. O volante brasileiro chegou atrasado em uma dividida com Suárez e acertou a chuteira em seu peito, recebendo cartão vermelho direito e deixando o Tottenham com um jogador a menos a partir dos 17 minutos.

Pouco depois, já recuperado, Suárez foi acionado dentro da pequena área, bateu cruzado e só não marcou seu segundo gol porque Lloris fez bela defesa. Aos 29 minutos, no entanto, o uruguaio achou Flanagan livre e cruzou na medida. O lateral direito chutou com força e viu a bola tocar o travessão antes de entrar.

Esse roteiro já teria tornado Suárez o nome do jogo. Mas o uruguaio tinha mais a mostrar. Após lançamento de Luis Alberto, ele ganhou da zaga na corrida, esperou a saída do goleiro na entrada da área e o encobriu: golaço. No penúltimo minuto do tempo regulamentar, o capitão ainda deixou Raheem Sterling na cara do gol para fechar a conta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.