Tamanho do texto

Presidente do Santos confirmou reuniões, mas negou acertou com o meia que defende o Wolfsburg

O brasileiro Diego, do Wolfsburg
Matthias Schrader/AP
O brasileiro Diego, do Wolfsburg

O presidente do Santos, Odílio Rodrigues, negou que o clube já tenha acertado com o meia Diego, atualmente no Wolfsburg, da Alemanha. O dirigente admitiu que se reuniu com o pai e agente do jogador, Djair Ribas, que transmitiu os valores recebidos pelo jogador na Europa.

Comente esta notícia com outros torcedores

"Nós tivemos algumas reuniões com o pai do Diego. Ficamos preocupados com os números. O que ele ganha na Alemanha é elevado para o futebol brasileiro. O Santos, evidentemente, tem interesse em atletas como o Diego. A negociação é difícil, pelos valores envolvidos", disse Odílio em entrevista à Rádio Bandeirantes .

Os salários de Diego na Alemanha superariam a casa de R$ 1 milhão. Revelado pelo Santos, o jogador garantiu, no entanto, que a questão financeira não seria preponderante para uma volta à Vila Belmiro.

Diego tem contrato com o Wolfsburg, que ocupa a quinta colocação do Campeonato Alemão, até a metade de 2014. O jogador, que também teria despertado o interesse do Southampton, da Inglaterra, poderá assinar um pré-contrato com qualquer clube a partir do começo do próximo ano.