Tamanho do texto

Técnico não se incomoda com rendimento abaixo do esperado do setor ofensivo do time inglês

José Mourinho, técnico do Chelsea
Kirsty Wigglesworth/AP
José Mourinho, técnico do Chelsea

Mesmo admitindo o baixo rendimento de seus centroavantes, o técnico do Chelsea, José Mourinho, saiu em defesa de seus jogadores. No Campeonato Inglês, o artilheiro do time londrino no setor é Samuel Eto’o, com dois gols, seguido de Fernando Torres e Demba Ba, com um gol cada.

Comente esta notícia com outros torcedores

"Se eu espero que eles marquem mais gols? Sim. Todos nós precisamos melhorar um pouquinho? Sim. Mas nós não podemos comparar jogadores com diferentes qualidades. Não dá para esperar que Ba ou Torres peguem a bola como Agüero ou Suárez, driblem três caras e chutem à gol. Nossos jogadores não são individualistas", disse o técnico ao Sky Sports .

Em quinze rodadas disputadas, o atacante uruguaio Luis Suárez, do Liverpool, é o artilheiro do Campeonato Inglês com 15 gols marcados. Na vice-liderança está o atacante argentino Sérgio Agüero, do Manchester City, que já soma 12 gols na competição.

Nas últimas semanas, diversos atacantes foram apontados como possível alvo do Chelsea na próxima janela de transferências, que abre em janeiro de 2014. Entre eles, Wayne Rooney, do Manchester United, Radamel Falcao, do Monaco e Luis Suárez, do Liverpool. Mourinho, entretanto, diz que não pretende pedir mais nenhum jogador ao clube nesta temporada.

"O mercado abre em janeiro, mas não acho que estaremos lá, seja comprando ou vendendo. A não ser que algo aconteça e apareça uma oportunidade muito boa. Mas não estamos farejando o mercado e esperando desesperadamente pelo dia primeiro de janeiro", afirmou o comandante português.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.