Tamanho do texto

Campeão brasileiro caiu no Grupo 5, ao lado do Defensor, do Uruguai, e de duas outras equipes que ainda disputarão mata-mata

Cruzeiro, campeão brasileiro de 2013
Gazeta Press
Cruzeiro, campeão brasileiro de 2013

Cabeça de chave do grupo 5 da Libertadores, o Cruzeiro caiu em boa chave e possivelmente não terá muitas dificuldades para avançar às oitavas de final. Por enquanto, a equipe sabe apenas que duelará com o Defensor, do Uruguai. Os outros dois integrantes são desconhecidos. Um deles será peruano: Universitario ou Real Garcilaso. O outro sai do confronto entre Caracas, da Venezuela e uma equipe argentina, que pode ser Lanús ou River Plate.

O diretor de futebol, Alexandre Mattos, entende que o Cruzeiro não pode escolher adversários, e deixa claro que o time vai jogar a competição para superar qualquer obstáculo que apareça pela frente.

"O Cruzeiro não foge de nada e encara o que tiver de encarar. Vamos chegar muito forte. O Cruzeiro é muito respeitado, e isso é um orgulho, mostra que estamos no caminho certo. Vamos encarar para vencer as partidas e conquistar este título, que é o que nós desejamos", declarou à Rádio Itatiaia.

O dirigente disse ainda que o Cruzeiro já está acostumado com a Libertadores e que a torcida se envolve no torneio continental. "É um torneio que o Cruzeiro tem uma empatia muito grande, a torcida se envolve, e o Cruzeiro vai fazer uma grande competição. Vamos trabalhar e buscar muito este título que será mais um presente para nossa torcida", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.