Tamanho do texto

Jogador elogia projeto e ressalta história do novo clube para buscar vaga na Série D

Athos, em comunicado, diz que não gostaria de deixar a Chapecoense
Divulgação
Athos, em comunicado, diz que não gostaria de deixar a Chapecoense

Após boas atuações na campanha da Chapecoense na Série B do Campeonato Brasileiro que rendeu o inédito acesso à equipe, o meia Athos defenderá o Remo na próxima temporada. O mais novo reforço ainda acertará alguns detalhes com o Leão, mas está empolgado com o projeto.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

"Nesta sexta-feira, devo chegar a Belém para acertar os últimos detalhes, mas gostei muito do projeto e estou topando mais esse desafio em minha vida. O presidente (Zeca Pirão) me passou todo o projeto e fiquei bastante animado. O Remo tem história e torcida e não pode ficar nesta situação. Vou para ajudar o clube a conquistar a vaga e o acesso ano que vem", promete Athos, que neste ano ajudará o Remo a buscar uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro.

O jogador ex-Chapecoense também tem passagens por Criciúma, Juventude, Paraná, São Caetano e Nancy, da França. "Nunca trabalhei com o Charles Guerreiro, mas sei da história dele no futebol e que é um grande profissional. Quando o cara é bom todo mundo sabe logo. Do grupo, já trabalhei com o Ratinho, na época do Criciúma. Acredito que formaram um bom time e que temos tudo para dar alegria à torcida do Remo", declara o meio-campista.

Mais reforços são anunciados

Além de Athos, o Remo anunciou nesta quinta-feira a contratação de Eduardo Ramos, ex-jogador do rival Paysandu. O meia chega no sábado à capital paraense para ser apresentado no dia seguinte. Mesmo com os dois reforços, o Remo ainda não finaliza o ciclo de contratações, já que busca mais dois jogadores de meio-campo para fechar o elenco.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.