Tamanho do texto

Presidente do clube abriu a possibilidade do clube encerrar as atividades no próximo ano

Guaratinguetá dispensa os jogadores
Fabio Rubinato/AGF
Guaratinguetá dispensa os jogadores

Rebaixado à Série C do Campeonato Brasileiro, o Guaratinguetá vive dias conturbados e o descenso não é o problema mais sério do clube. Colocado à venda, o time liberou todos os jogadores do elenco para acertarem com outras equipes. Seja quem for o novo dono do clube, terá que montar um novo plantel do zero.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

Dos dispensados, pelo menos 11 já acertam transferência para outras equipes, mas o restante segue com o futuro indefinido. Os laterais Murilo e Giovanni defenderão Joinville-SC e Botafogo-SP, respectivamente; o volante Fransérgio acertou com o Internacional; os meio-campistas Renato Peixe, Michael e Rafinha vão para o Santo André, enquanto Davi Ceará e Jonatas Belusso defenderão o Treze-PB; Xuxa, que vai para o Mirassol e Léo Gonçalves, que acertou com o ASA, completam a lista dos atletas transferidos.

Leia mais:  Desgastado, dono do Guaratinguetá solta o verbo e diz que pode fechar em 2014

O atual proprietário Sony Douer negocia para repassar o clube a uma pessoa que tenha condições de montar um time competitivo. O clube ainda deseja que o novo dono apresente propostas para manter o time. O único interessado é o advogado Mario Nunes, fundador da equipe, que afirma já ter definido o grupo de jogadores e a comissão técnica para a próxima temporada.

Ainda que o empresário Mario Nunes tenha se interessado em comprar a equipe, Sony Douer declarou recentemente que negocia com qualquer pessoa que queira assumir o clube. A princípio, a tentativa era de manter a Garça na cidade, mas o proprietário admite que o clube pode migrar mais uma vez.

Fundado em 1998, o Guaratinguetá chegou à elite do futebol paulista em 2007, ano em que conquistou o Toneio do Interior. Na temporada seguinte, chegou à semifinal do Campeonato Paulista após liderar a primeira etapa. A boa fase terminou em 2010, quando o clube foi transferido para Americana. Voltou dois anos depois, mas de lá para cá amargou dois rebaixamentos, sendo um estadual e um nacional. Em 2014, disputará a Série A2 do Campeonato Paulista e a Série C do Campeonato Brasileiro.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.