Tamanho do texto

Jogadores sub 20 estão concentrados em Cotia e só terão dois períodos de folga antes da estreia, marcada para 3 de janeiro, contra o japonês Kashiwa Reysol

Boschilia, meia do São Paulo que jogará a Copinha de 2014
SERGIO BARZAGHI / Gazeta Press
Boschilia, meia do São Paulo que jogará a Copinha de 2014

A preparação para a Copa São Paulo de Juniores envolve foco total do time sub 20 do São Paulo, que está concentrado no CT Laudo Natel, em Cotia, desde o dia 25 de novembro. Até a estreia na competição, marcada para o dia 3 de janeiro, contra o Kashiwa Reysol, do Japão, na Arena Barueri, serão apenas dois períodos de folga para os atletas: entre os dias 23 e 26 e nos dias 30 e 31 de dezembro.

"Cansa, mas tudo tem um preço. Esse é o preço que a gente tem que pagar por estar aqui", afirmou o meia Boschilia, destaque da seleção brasileira no último Mundial sub 17.

Para relaxar e se desligar por alguns instantes dos preparativos para a Copinha, os atletas se apegam a consagrados aliados do regime de reclusão: videogame, música, internet e resenha, o bom e velho bate-papo, na linguagem dos boleiros.

"É uma coisa que faz parte do futebol. Acho que ninguém gosta, mas faz parte", disse o meia Pedrinho, antes de revelar que o funk é o ritmo musical oficial dos jovens são-paulinos e entregar o lateral Foguete: "Ele é o cantor".

Desde Sorriso Maroto, passando por Bruno Mars e Michael Jackson, Foguete é chamado pelo companheiro e realiza uma breve "apresentação" aos jornalistas presentes no treino desta quinta-feira, encerrada com uma coreografia de funk.

"O Foguete tem os momentos de brincadeira dele. É muito solto, mas um atleta extremamente sério, muito focado no dia a dia. E esses momentos de descontração são importantes", declarou Menta, treinador da equipe sub 20.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.