Tamanho do texto

"Não tem como. Essa derrota vai demorar muitos dias para ser superada, vai ficar marcada em nossas vidas", lamentou o treinador

Lateral-direito de sucesso, Jorginho conquistou inúmeros títulos importantes em sua carreira como jogador. A eliminação do Brasil para a Argentina nas oitavas de final da Copa da itália, em 1990, no entanto, nunca foi esquecida. Atual treinador da Ponte Preta, ele compara aquela derrota à perda do título da Copa Sul-Americana para o Lanús, nesta quarta-feira .

"Não tem como. Essa derrota vai demorar muitos dias para ser superada, vai ficar marcada em nossas vidas. Para mim, foi como perder a Copa de 1990", lamentou o treinador, ainda no gramado do estádio La Fortaleza, em entrevista ao canal Fox Sports .

Leia mais:  Ponte-pretanos se emocionam e pedem desculpa à torcida por derrota para Lanús

Assim como a Ponte Preta, Jorginho ainda não conquistou nenhum título de expressão em sua carreira. Apesar disso, ele garante que seu desejo era dar a principal alegria ao torcedor em sua história mais que centenária.

E ainda: Della Volpe vê planejamento atrasado, mas diz que tentará manter elenco

"Eu queria muito esse título. Fizemos o nosso melhor, mas infelizmente não conquistamos esse título que eu e nossa torcida tanto sonhávamos. São 113 anos e quatro meses de espera, mas infelizmente não foi nessa geração. Fica a lição de que a coisa pode acontecer", conclui.

Enquanto Ponte Preta sofre, Lanús comemora. Assista ao vídeo com a festa dos argentinos: