Tamanho do texto

Goleiro do Cruzeiro promete empenho dobrado na próxima temporada e ainda espera por chance no time de Luiz Felipe Scolari

Goleiro Fábio, do Cruzeiro, recebe prêmio de melhor goleiro do Campeonato Brasileiro
Fernando Dantas/Gazeta Press
Goleiro Fábio, do Cruzeiro, recebe prêmio de melhor goleiro do Campeonato Brasileiro

Ele foi um dos principais nomes da campanha vitoriosa do Cruzeiro no Brasileirão e o quarto goleiro com mais defesas na competição. Há oito temporadas no clube, Fábio faz um balanço de 2013 e espera uma oportunidade na seleção brasileira, de Luiz Felipe Scolari.

Deixe o seu recado e comente com os outros leitores

"Eu acho que (o ano) foi muito bom. Acho que foi importante a dedicação de todos durante a campanha que fizemos. Agora é ter tranquilidade para ver o que vai acontecer em termos de contratações, quem vai ficar, quem vai embora, para que possamos montar um grupo vitorioso para 2014", afirmou o jogador ao iG Esporte .

Para manter a boa fase e evitar o que fez o Fluminense - que foi campeão em 2012 e neste ano foi rebaixado -, Fábio quer empenho dobrado em 2014. "Acho que temos de ter a mesma simplicidade, empenho e trabalhar mais ainda. No ano de 2014, as cobranças vão aumentar porque vão criar parâmetros pelo o que nós fizemos em 2013", disse.

Apesar de Felipão já tê-lo descartado na Copa do Mundo de 2014, o cruzeirense ainda espera por uma oportunidade e acredita que uma possível boa atuação na Libertadores pode ajudar. "Acho que se for para acontecer, vai acontecer no momento certo, independente de qual competição eu dispute. Mas é sempre bom a Libertadores porque a vitrine é muito grande e nós esperamos que dê tudo certo", completou.

Em novembro, o técnico da seleção brasileira afirmou que levaria os goleiros que tem sido convocados. São eles: Julio César, Jefferson (Botafogo), Diego Cavalieri (Fluminense) e Victor (Grêmio).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.