Tamanho do texto

Confronto com o Vitória pela rodada final do Brasileirão marca o último encontro do Atlético-MG com seus torcedores antes do Mundial de Clubes

Diego Tardelli, atacante do Atlético-MG
Paulo Fonseca/Futura Press
Diego Tardelli, atacante do Atlético-MG

O Atlético-MG já está no clima do Mundial de Clubes. Mas antes de seguir para a disputa no Marrocos, precisa enfrentar o Vitória, no Independência, em partida válida pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O atacante Diego Tardelli quer terminar bem a competição nacional, e para isso, convoca a torcida para despedida da temporada no Horto.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Convoco a torcida para estar com a gente nesse último jogo, para que a gente possa deixar uma última impressão boa para o torcedor. E não tenho dúvida de que a torcida vai estar lá domingo, no jogo, e também na segunda-feira, lotando o aeroporto. Então, a torcida vai estar com a gente, acreditando junto com a gente", disse.

Tardelli espera usar a última semana de treinos no Brasil para chegar preparado ao Marrocos. O jogador revela que existe ansiedade para iniciar logo o Mundial, mas deixa claro que o Atlético-MG chegará pronto para a competição mais importante da história do clube.

"Essa é nossa última semana, uma semana importantíssima. Creio que vai ser de um trabalho bem feito, por tudo que fizemos no ano. Vamos embora, chegou a hora, não tem como voltar atrás. Todo mundo está ansioso, todos os jogadores estão muito ansiosos e esperando chegar o momento da viagem, já fazendo as malas, vendo o que vão levar, o que não vão levar. Então, já estou preparado", declarou.

O atacante alvinegro garante que vive o auge da forma física no momento ideal para ajudar o Galo. "Não fiz a pré-temporada com os outros jogadores. Nesse momento, era para eu estar exausto, bastante desgastado. Mas, hoje, me vejo no auge da forma física. Devo isso ao trabalho de todo mundo, da comissão, dos preparadores, e também à minha dedicação na academia, no trabalho de fortalecimento", concluiu.