Tamanho do texto

Meia defendeu o Corinthians entre 2010 e 2011, foi negociado com o Benfica e joga atualmente pelo Al-Ahli, da Arábia Saudita, porém está insatisfeito e quer retornar ao Brasil

Bruno César foi o artilheiro do Corinthians no Brasileiro de 2011, com 14 gols
Gazeta
Bruno César foi o artilheiro do Corinthians no Brasileiro de 2011, com 14 gols

Ex-corintiano, o meia Bruno César não vê problemas em voltar ao Brasil para defender o arquirrival, o Palmeiras . Em entrevista à Rádio Bandeirantes, o jogador citou até Magrão, que passou pelos dois clubes, para se defender das prováveis polêmicas de uma possível contratação.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Sou profissional e vou defender o clube, independente se já tive passagem pelo Corinthians. Outros jogadores já fizeram isso e não tiveram problemas nenhum, o Magrão é um exemplo disso. Agradeço por tudo que o Corinthians me deu, mas vou jogar no melhor time pra mim no próximo ano", disse.

Confira a classificação final , notícias, tabela de jogos e artilharia da Série B

Além da fúria alvinegra, Bruno César enfrentaria outro problema caso esteja no Palestra Itália em 2014: as férias. "Se for para o Palmeiras mesmo, vou ter que correr por conta do calendário, mas é assim mesmo. Se tiver que ficar sem férias, paciência", brincou, referindo-se aos calendários diferentes dos países.

O meio-campista de 25 anos está no Al-Ahli, da Arábia Saudita, desde o início de 2013, após ser negociado pelo Benfica. O jogador demonstra desejo de retornar ao Brasil e teria sido oferecido ao Palmeiras, que já pensa no ano do seu centenário. O técnico Gilson Kleina, inclusive, também já teria aprovado o nome, que acrescentaria qualidade ao meio-campo alviverde na próxima temporada.

Mas o Atlético-MG, atual campeão da Libertadores, aparece como outro interessado na repatriação do atleta, podendo atrapalhar a intenção dos palmeirenses. É provável que a cúpula do clube intensifique as negociações após o término da época nacional.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.