Tamanho do texto

Cartola exaltou qualidade do brasileiro e não poupou elogios ao jogador ao relembrar episódio de 2009, quando vendeu Kaká ao Real Madrid

Kakáé exaltado por Adriano Galliani
Getty Images
Kakáé exaltado por Adriano Galliani

Em 2009, Adriano Galliani chorou por ter sido obrigado a vender Kaká ao Real Madrid por 65 milhões de euros, em um delicado momento financeiro do Milan. Quatro anos depois, foi o principal responsável por repatriar o brasileiro, que voltou de graça, mas com efetividade parecida à de tempos atrás. Com três gols nos últimos três jogos pela equipe italiana, o camisa 22 reencontrou seu melhor futebol e já foi exaltado pelo ‘ainda’ vice-presidente do clube de San Siro.

Deixe o seu recado e comente com outros leitores

Mesmo após ter pedido demissão, Galliani foi mantido no cargo após reunião com o presidente rossonero, Silvio Berlusconi, e não economizou ao exaltar o meia brasileiro, autor do terceiro gol da vitória do Milan por 3 a 1 sobre o Catania, no último domingo, pelo Campeonato Italiano.

"Ricky é um fenômeno. Ele me disse que estava esperando o Balotelli chegar, mas ele não chegou e resolveu chutar. Vocês sabem que eu chorei em 2009 quando tive de vendê-lo ao Real Madrid, mas então agradeço a Deus por ter tido a ideia em 31 de agosto para ir até Madri, sem nenhum acordo pré-estabelecido, e a partir daí acertar a volta do Kaká", declarou Gallianii.

Após o tento, o ex-jogador do Real Madrid explicou como foi o lance e comemorou ter atingido mais uma importante marca com a camisa rossonera. "Estou feliz com o gol. Na realidade, eu estava esperando El Shaarawy e Balotelli chegar. Eu queria passar a bola para eles, mas eles demoraram e eu chutei para marcar o meu gol 99 pelo Milan. Estou muito feliz por poder jogar bem e o time vencer. Era um jogo importante para nós", dcretou.

Neste momento, o Milan ocupa apenas a 11ª colocação do Calcio com 17 pontos conquistados em 14 jogos. Apesar de ainda distante da liderança, pertencente à Juventus, que soma 37 tentos, o clube de San Siro pelo menos se distanciou da zona de rebaixamento á segunda divisão. A vantagem para a degola, que já chegou a ficar na casa dos dois pontos, agora é de cinco tentos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.